nsc
nsc

ESPORTES

Guga Kuerten: uma lição de vida

Compartilhe

Roberto
Por Roberto Alves
18/05/2020 - 14h38 - Atualizada em: 18/05/2020 - 15h24
Guga Kuerten
Guga Kuerten. (Foto: Divulgação)

Um papo com o maior tenista da história do Brasil transforma-se sempre numa verdadeira aula e lição de vida. Guga Kuerten não mudou. Continua humilde, simples, simpático e acessível. No Debate Diário desta segunda-feira (18), mais uma vez ele nos mostrou os caminhos da superação.

Está completando 20 anos do bicampeonato em Rolando Garros e da conquista a liderança do ranking mundial da ATP. Esse, entretanto, não foi o tema central da sua entrevista. Ele mesmo preferiu falar do momento que estamos vivendo reforçando sua tese dos tempos de quadra:

Vamos vencer mais esta. Vamos superar. Não temos que temer. Força gente, vamos derrotar esta pandemia.

Notável o seu otimismo e fé no nosso potencial. Era assim nas quadras.

Histórias

guga
(Foto: )

Falar com Guga é trabalhar a memória. Não há como não lembrar seu início a força da mãe Alice, do irmão Rafael e a imagem do Guilherme (Gui), o mais novo sempre uma motivação a mais para o tenista que se inspirou no pai Aldo Kuerten, também atleta.

Sua preocupação com o trabalho social do IGK buscando alternativas para amenizar o momento muito mais difícil das pessoas carentes. A presença da mãe nas suas atividades comunitárias, especialmente na Apae, além do IGK, tudo por ele é lembrado com uma força extraordinária.

Esta semana que passou ele conversou pelo telefone demoradamente com Roger Federer e Novak Djokovic, parceiros dos bons tempos, adversários na quadra, mas amigos para sempre. A necessidade de discutir um pouco o tênis que é a sua vida faz parte do dia a dia de Guga.

Larri Passos

Este sempre é lembrado como um capítulo a parte de sua história. Larri praticamente substituiu Aldo Kuerten na condição de pai. Tratava-o como seu filho. Larri tinha o espírito vencedor que Guga encarnou. Acreditar sempre.

O tênis

guga
(Foto: )

Ao final do bate papo Guga mostrou que sente falta de um bom papo sobre o tênis colocando-se à disposição a uma nova conversa. “Se precisarem de mim em pra falar um pouquinho de tênis me liguem estou aqui.”

Outro papo que teve na semana passada foi com Bernardinho, numa live, em que no final o técnico campeão de vôlei teve pouco a dizer e concluiu com uma única frase: “É uma lição de vida”.

Roland Garros e a conquista da liderança do ranking mundial passaram longe do papo com o manezinho no Debate Diário. Na próxima, quem sabe.

 A mãe

No final, Guga pediu como sempre socorro à mãe que acompanhava a entrevista a seu lado para algumas informações dos projetos sociais do IGK o que ele fez prontamente nos fazendo saber das campanhas que estão em andamento visando socializar este momento de grande preocupação com a pandemia que atingiu a humanidade.

Grande momento do Debate Diário também.

Roberto Alves

Colunista

Roberto Alves

Referência por resgatar a memória do Esporte catarinense, fatos do dia a dia e pitorescos, misturando bom humor e seriedade na dose certa.

siga Roberto Alves

Roberto Alves

Colunista

Roberto Alves

Referência por resgatar a memória do Esporte catarinense, fatos do dia a dia e pitorescos, misturando bom humor e seriedade na dose certa.

siga Roberto Alves

Mais colunistas

    Mais colunistas