publicidade

Esportes
Navegue por

No rio

Betão cobra Avaí sonhando alto para encerrar fase ruim na elite

No domingo, às 19h, Leão pega o Vasco, time que já enfrentou duas vezes no ano

16/05/2019 - 17h49

Compartilhe

Redação
Por Redação DC
Betão reconhece momento ruim do Leão no início da Série A
(Foto: )

Sonhar alto. Esse é o pedido do zagueiro Betão para o elenco do Avaí na Série A do Brasileiro. Em entrevista coletiva na tarde desta quinta-feira, na Ressacada, o capitão afirmou acreditar é o primeiro passo para reverter o mau início na competição. No domingo, às 19h, o Leão pega o Vasco, em São Januário, adversário que o time encarou duas vezes em 2019 e foi derrotado em ambas pela Copa do Brasil. A missão é conquistar a primeira vitória e respirar aliviado.

– É válida a preocupação, os resultados não estão acontecendo. Confio muito que possamos fazer um grande campeonato, não mudo nada o que falei em mudar o pensamento, de brigar para permanecer. É sonhar alto, independente das análises, estatísticas. Temos que acreditar em um bom ano, que possamos brigar acima da tabela e confio nisso. Independente de estar abaixo do esperado, confio que podemos terminar o ano de uma maneira melhor – disse.

A meta neste começo de Série A é evitar que o incômodo pela seca de vitórias se transforme em desespero, como bem frisou Betão. Experiente, o zagueiro reconheceu que os três pontos precisam ser conquistados na partida do Rio de Janeiro para que o trabalho desenvolvido pela comissão técnica e jogadores fique mais tranquilo no decorrer da temporada.

– Incomoda, claro que incomoda ficar sem vencer em uma equipe como Avaí não é normal. Mas esse incômodo não pode se transformar em desespero. É ruim para dormir, você fica remoendo o jogo que passou. Mas não pode acumular e transformar em desespero, você acaba fazendo as coisas descoordenada. Sabemos da nossa necessidade, não podemos escolher jogo para vencer, o próximo tem que ser. Vamos com esse pensamento em São Januário para quebrar essa sequência – falou Betão.

A partida contra o Vasco vai marcar também o reencontro do zagueiro com o treinador que o levou para o elenco profissional do Corinthians: Vanderlei Luxemburgo. O técnico estreia no comando vascaíno justamente no duelo diante do Avaí no domingo, às 19h, no Rio de Janeiro. Betão pediu atenção ao elenco do Leão, uma vez que sob novo comando o time adversário vai estar com o emocional elevado e buscando deixar boa impressão em campo frente à torcida.

– O Luxemburgo foi o treinador que me subiu para o profissional, tive prazer de trabalhar com ele, um dos grandes ensinadores da minha carreira. Vai mexer muito com o emocional, não sei se tecnicamente ou taticamente ele vai ter tempo, mas o emocional ele vai e sabe fazer isso. Os jogadores do Vasco vão vir motivados, querendo reverter a situação, assim como nós. Não podemos esperar para ver o que vai acontecer no jogo, temos que estar preparados desde o início – completou o jogador do Leão.

O Avaí tem dois pontos após empatar com Grêmio (1 a 1) e CSA (0 a 0). A equipe ainda tem derrotas para Atlético-MG (2 a 1) e Bahia (1 a 0). O Leão é o penúltimo colocado, enquanto o Vasco, com um ponto em quatro jogos, ocupa neste momento a lanterna da Série A.

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação