nsc

publicidade

Ação

Clubes, FCF e NSC se mobilizam pela recuperação de SC no futebol 

Avaí, Chapecoense, Criciúma e Figueirense e Federação reuniram-se na tarde desta quarta-feira na NSC Comunicação, em Florianópolis 

09/10/2019 - 18h21 - Atualizada em: 09/10/2019 - 19h01

Compartilhe

Por Redação CBN Diário
Representantes de Avaí, Chapecoense, Criciúma e Figueirense participam de reunião na NSC
Representantes de Avaí, Chapecoense, Criciúma e Figueirense participam de reunião na NSC
(Foto: )

Dirigentes de Avaí, Chapecoense, Criciúma e Figueirense e da Federação Catarinense de Futebol reuniram-se na tarde desta quarta-feira (9) na NSC Comunicação, em Florianópolis. O encontro deflagra uma mobilização conjunta pelo futebol do Estado na reta final das Séries A e B do Campeonato Brasileiro.

— Parabenizamos a NSC pela iniciativa, O movimento é válido para que o torcedor veja que ainda há tempo para salvarmos o futebol catarinense. Todos podem escapar do rebaixamento, o campeonato não terminou. Tem várias rodadas e o futebol dá voltas. Vamos acreditar, que o torcedor vá ao estádio, incentive e não perca o hábito de ir a campo e torcer por seu clube — disse o presidente da Federação de SC, Rubens Angelotti.

A posição dos quatro clubes neste momento coloca em risco a representatividade que o Estado conquistou no cenário nacional, a ponto de ser, neste momento, o quinto colocado no ranking de Federações da CBF, à frente de centros tradicionais como Paraná, Bahia e Pernambuco. Um dos argumentos da ação é incentivar o torcedor comparecer aos estádios para apoiar sua respectiva equipe independentemente da posição da tabela — e principalmente na hora ruim.

— A contribuição é fabulosa. Vai fazer com que o torcedor apareça nos jogos em casa para nos incentivar. Ainda há chance. No futebol você não pode jogar a toalha antes de decidida a situação. Essa campanha propositiva nos ajuda a buscar a permanência na Série A — falou o presidente do Avaí, Francisco Battistotti.

— Vai ajudar. O vídeo da ação emociona. Este é o clima que precisamos na reta final do Campeonato Brasileiro Parabenizamos a NSC pela bela iniciativa — resumiu Paulo Magno, atual presidente da Chapecoense.

A iniciativa é da NSC Comunicação, ciente do valor que o esporte, em especial o futebol, tem para o entretenimento dos catarinenses, seu papel na economia das regiões representadas e a divulgação que proporciona ao Estado em âmbito nacional e até mundial.

Os representantes catarinenses da Série B tem ações para atração de torcedores aos jogos para a reta final da competição. Criciúma e Figueirense acreditam que a iniciativa vai dar força para as ações dos próprios clubes.

— Na próxima semana queremos juntar toda a região Sul de Santa Catarina para a reta final da Série B, falando da importância da manutenção. A campanha da NSC vai potencializar o esforço do clube pela busca por seu objetivo. Essa esforço vai ser multiplicado e parabenizamos e sensibilidade da NSC neste momento, com muito campeonato pela frente - analisou Júlio Remor, diretor comercial e de marketing do Criciúma.

— Nossa estratégia de conclamação continua. Não temos como manter promoção do nível de jogos anteriores, caso contrário o clube não terá receita. Mas a torcida entende a necessidade de colaboração. Para o próximo jogo teremos promoção, não nos mesmos moldes de anteriores, mas para que o clube tenha alguma receita para atender compromissos mais urgentes. A renda não resolve a situação, mas ajuda. Houve compreensão da torcida a partir do rompimento do contrato (com Elephant, de gestão do futebol). É como se estivéssemos ressurgindo, após a deterioração da relação do clube com a cidade.

Deixe seu comentário:

publicidade