O Palmeiras não recebeu, até agora, nenhum pagamento pela venda do meia-atacante Giovani para o time saudita Al-Sadd. O estipulado era que o clube pagasse a primeira parcela, de 5 milhões de euros ( aproximadamente R$ 25,89 milhões) até a última sexta-feira (15). 

Continua depois da publicidade

Leia mais notícias do Esporte no NSC Total

Jogadores param para tomar cafezinho no aeroporto e perdem voo na véspera da partida

VÍDEO: Goleiro do Vasco faz gol e pega três pênaltis contra o Flamengo na base

Giovani foi contratado pelo Al-Sadd em junho de 2023. O clube negociou 50% dos direitos do meia-atacante por 9 milhões de euros (em torno de R$ 47,34 milhões na época), em duas parcelas.

Continua depois da publicidade

Caso o Al-Sadd não cumpra com o combinado, o Palmeiras pode acionar a Fifa para tomar medidas que podem até resultar em punições para o time saudita.

O Alviverde já notificou a equipe do Oriente Médio, e aguarda respostas para decidir as próximas procedências.

Giovani sofreu uma lesão no joelho no primeiro minuto de um amistoso do Al-Sadd contra o Raja Casablanca-MAR, em 21 de julho, e está de fora dos gramados desde então.

Assista também:

Publicidade

Além de muita informação relevante, o NSC Total e os outros veículos líderes de audiência da NSC são uma excelente ferramenta de comunicação para as marcas que querem crescer e conquistar mais clientes. Acompanhe as novidades e saiba como alavancar as suas vendas em Negócios SC

Continua depois da publicidade

Destaques do NSC Total