Depois de um jogo marcado pelo equilíbrio e decidido somente na prorrogação, o time de Blumenau (Unisociesc/BFB) voltou a ser derrotado na Liga de Basquete Feminino (LBF). Em jogo disputado no Rio de Janeiro na noite desta quinta-feira (6), o Sodiê/Mesquita-RJ levou a melhor e venceu por 83 a 82.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Blumenau e região direto no Whatsapp

Esta foi a quarta derrota das blumenauenses em cinco jogos na competição. O time carioca, por sua vez, conquistou a terceira vitória em cinco partidas na LBF.

O destaque blumenauense ficou por conta da ala Leila Zabani, que anotou 26 pontos, pegou seis rebotes e distribuiu quatro assistências. Outras duas atletas de Blumenau superaram os dois dígitos em pontuação: a ala-pivô Kawani, com 18, e a armadora Maria Alberto, com 14.

Infográficos explicam como são os barcos da The Ocean Race

Continua depois da publicidade

Agora, a equipe de Blumenau prepara-se para voltar à quadra no próximo dia 14, às 19h30min. Elas recebem o time do Sampaio Corrêa-MA, no Ginásio Sebastião Cruz, o Galegão, pela sexta rodada da primeira fase da LBF.

Leila foi o destaque do time de Blumenau no jogo (Foto: Maurício Almeida, Divulgação)

Marca especial

A ala Leila Zabani superou a linha dos 1.800 pontos da carreira anotados na LBF, alcançando 1.808 pontos. Com essa marca, a camisa 16 do time de Blumenau passa a ser a 12ª maior cestinha da história da liga. Ela disputou todas as 12 edições da LBF até aqui.

A competição

Além de Blumenau, outras sete equipes vão disputar a LBF em 2023. São elas:

A fórmula de disputa é praticamente a mesma da temporada anterior. Veja os detalhes:

Esta será a sétima participação de Blumenau na LBF. Confira o histórico do clube na liga:

Leia mais:

Conheça os 10 elencos e os jogadores mais valiosos da Libertadores 2023

Brasil perde nos pênaltis para a Inglaterra na disputa da Finalíssima

Destaques do NSC Total