nsc

publicidade

Futebol

JEC anuncia três primeiras contratações para o Campeonato Catarinense

Volante, meia e atacante já assinaram contrato e reforçarão o time de Zé Teodoro no Estadual

29/11/2018 - 15h27

Compartilhe

Por Redação NSC
Clécio é volante, tem 30 anos, e seu último clube foi o Taguatinga
Clécio é volante, tem 30 anos, e seu último clube foi o Taguatinga

O Joinville anunciou na tarde desta quinta-feira as três primeiras contratações para a disputa do Campeonato Catarinense de 2019. O volante Clécio, o meia Robert e o atacante Jeferson Caxito são as novas apostas do Tricolor. Os três não são jovens — Robert e Caxito têm 27 anos e Clécio 30 — exatamente como projetava o gerente de futebol, Agnello Gonçalves, que afirmou que o JEC precisa de atletas mais rodados para dar suporte aos jogadores das categorias de base.

O meia Robert teve passagem recente pelo Goiânia na última temporada. Ele ainda rodou por Goiás, Aparecidense, Bragantino, Oeste e Desportivo Brasil. Em entrevista ao site do clube, afirmou que gosta de atuar na terceira linha, como um elemento surpresa.

Meia Robert, de 27 anos, esteve no Goiânia na última temporada
Meia Robert, de 27 anos, esteve no Goiânia na última temporada
(Foto: )

Clécio passou pelo Taguatinga. O volante ainda atuou no Aimoré, Ceilândia, Brasília, Luverdense e Aparecidense. Ele se definiu como um jogador que garante a proteção da defesa, ou seja, o primeiro homem da segunda linha.

Caxito jogou no América-PE. Antes, o atacante passou por Porto-PE, Penapolense e Confiança. A exemplo de Robert, ele também atuará na terceira linha, mas pelo lado, explorando a velocidade, segundo ele, sua principal característica.

Caxito, de 27 anos, atuará pelos lados assim como fez no América-PE, seu último clube
Caxito, de 27 anos, atuará pelos lados assim como fez no América-PE, seu último clube
(Foto: )

O JEC tem ainda mais três atletas contratados, mas não confirmou nos nomes oficialmente. O clube só irá se posicionar assim que o trio realizar todos os exames médicos.

Deixe seu comentário:

publicidade