O Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) decidiu, nesta terça-feira (12), recusar o recurso de recuperação extrajudicial do Figueirense por 3 votos a 0.

Continua depois da publicidade

Leia mais notícias do Esporte no NSC Total

Recuperação Extrajudicial do Figueirense tem “tendência” de queda no Tribunal de Justiça em julgamento marcado para esta terça

Os desembargadores Túlio Pinheiro e Janice Goulart acompanharam o voto do relator, Torres Marques, e votaram contra o recurso do Furacão do Estreito, conforme o colunista do NSC Total, Rodrigo Faraco, antecipou na manhã desta terça, que o clube pode optar pela recuperação judicial.

Em resumo, a recuperação extrajudicial consiste nas duas partes entrarem em um acordo e apresentarem o plano de pagamento das dívidas para a Justiça.

Continua depois da publicidade

Já no caso da recuperação judicial, a Justiça determina os moldes do pagamento e resta aos credores e o devedor – o Figueirense – apresentarem os argumentos.

Em nota, o presidente do Figueirense, José Tadeu da Cruz, disse que o clube respeita a decisão judicial e que está avaliando os impactos da decisão e as medidas que serão adotadas. Confira a nota na íntegra:

Nota Oficial
A todos os torcedores do Figueirense, conselheiros, imprensa e demais interessados:

Na condição de Presidente do Conselho Administrativo do Figueirense Futebol Clube, venho a público informar que, na data de hoje, a 4ª Câmara de Direito Comercial do Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina (TJ-SC), negou provimento ao recurso que havia sido apresentado pelo Figueirense no âmbito de seu processo de recuperação extrajudicial (REJ).

O Figueirense respeita a decisão do Tribunal, mas seus poderes constituídos, juntamente ao seu departamento jurídico e seus assessores externos, avaliando os impactos da decisão, estão no momento deliberando sobre as medidas que serão implementadas para a continuidade do projeto de restruturação do clube.

Continua depois da publicidade

Esperamos em breve divulgar à torcida, aos nossos conselheiros e à imprensa, as medidas que serão adotadas, sempre com muita transparência.

Cordialmente,

José Tadeu da Cruz
Presidente do Figueirense Futebol Clube

Assista também:

Destaques do NSC Total