Se a polêmica camisa amarela ficou marcada pela derrota de cinco em casa para o Sampaio Corrêa, a homenagem ao mês de prevenção ao câncer de mama fez bem ao Avaí. De rosa, venceu o Brasil-Pe por 2 a 1, na noite desta terça-feira (6), na Ressacada, pela 14ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro

Continua depois da publicidade

Os gols foram macados por Iury, a 1min40seg do primeiro tempo, e Rômulo, aos 30 do segundo. Luiz Henrique descontou nos acréscimos.

Ouça o gol de Iury:

Chapecoense vence o Botafogo-SP e continua vice-líder da Série B

Ouça o gol de Rômulo:

Continua depois da publicidade

Com o resultado, o Avaí subiu para a nona colocação, com 19 pontos, começando a sonhar em entrar no G4, pois agora a distância está em quatro pontos. O Brasil de Pelotas ficou em 14º, com 15, flertando com a zona de rebaixamento e há quatro jogos sem vitória.

O Avaí iniciou com um gol relâmpago. Logo no minuto inicial, Jean Martins recebeu na esquerda e cruzou na medida para Iury. O lateral pegou de primeira para superar o goleiro Rafael Martins. Jean foi outro quem tentou para o time catarinense, mas, desta vez, mandou rente à trave.

O gol no começo acabou com o plano do Brasil, que se mostrou perdido por boa parte do primeiro tempo e pouco fez para assustar o Avaí. O time de Pelotas criou algumas oportunidades, mas sem ser muito eficaz. Pelo lado do Avaí, Valdivia e Jean comandavam as ações, mas era Ralf quem se destacava com desarmes importantes, exercendo bem a função de “cão de guarda”.

Continua depois da publicidade

Figueirense leva 3 a 0 do CSA em Maceió pela Série B

No segundo tempo, o Brasil enfim chegou com perigo. Aos quatro minutos, em cobrança de falta de Gegê, Poveda desviou e Lucas Frigeri salvou. Danilo Gomes e o próprio Gegê tentaram empatar, mas pecaram na finalização.

O Avaí, então, equilibrou o jogo e começou a sair em busca do gol. Aos 30 minutos, Romulo arriscou de longe e contou com um desvio de Leandro Camilo para fazer 2 a 0. O terceiro só não veio logo na sequência, pois Getúlio parou em um milagre do goleiro Rafael Martins. Antes do apito final, porém, Luiz Henrique recebeu pela esquerda, cortou a marcação e acertou um bonito chute para diminuir. Mas já era tarde para buscar o empate.

Avaí terá ganho financeiro com nova transferência de Raphinha na Europa

Na próxima rodada, o Brasil enfrenta o Juventude no sábado, às 11h, no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul. No mesmo dia, às 16h, o Avaí vista o Vitória no Barradão, em Salvador.

Ouça a avaliação do técnico Geninho:

FICHA TÉCNICA

AVAÍ 2 X 1 BRASIL

Continua depois da publicidade

AVAÍ – Lucas Frigeri; Iury, Rafael Pereira, Airton e João Lucas; Ralf, Jean (Vinícius Jaú), Pedro Castro e Valdívia (Alan Costa); Rildo (Getúlio) e Gastón Rodriguez (Romulo). Técnico: Geninho.

BRASIL – Rafael Martins; Felipe Albuquerque (João Ananias), Leandro Camilo, Héverton e Alex Ruan; Sousa, Bruno Matias (Wellington Simião), Matheus Oliveira (Dellatorre) e Gegê (Cristian); Danilo Gomes e Gabriel Poveda (Luiz Henrique). Técnico: Hermerson Maria.

GOLS – Iury, ao 1 minuto do primeiro tempo. Romulo, aos 30, e Luiz Henrique, aos 49 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – Antonio Dib Moraes de Sousa (PI).

CARTÕES AMARELOS – Airton e Jean (Avaí).

LOCAL – Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC).

Destaques do NSC Total