nsc
dc

publicidade

Espera

Ronda Rousey passa por cirurgia no joelho e só deve voltar a lutar no início de 2017 

Presidente do UFC, Dana White disse que procedimento não foi "nada muito sério"

02/06/2016 - 16h20

Compartilhe

Por Lancepress
(Foto: )

Ex-campeã dos galos, Ronda Rousey pode retornar ao cage do UFC apenas no ano que vem. Sem lutar há sete meses, desde quando foi nocauteada por Holly Holm e perdeu o cinturão, Ronda passou por uma cirurgia no joelho e só deve retornar ao cage no fim deste ano, ou no início do ano que vem.

Em entrevista à ESPN, Dana White revelou que a ex-campeã não terá condições de lutar no UFC Nova York, que acontece no mês de novembro, por conta da cirurgia.

— Espero ter Ronda de volta ainda neste ano. Ela, na verdade, acabou de passar por uma cirurgia no joelho. Nada muito sério, só abrir, dar uma olhada e limpar a região. Ela se sente ótima, seu espírito está ótimo e ela vem treinando. Espero que ela lute em dezembro, ou então, provavelmente no evento de Ano-Novo que faremos no início do ano que vem — disse Dana, reafirmando que a ex-campeão voltará direto em uma disputa de cinturão.

Leia mais:

VÍDEO: lutadora do UFC sobrevive a tiroteio, mas técnico é baleado

McGregor e Ronda fazem encarada e geram rumores sobre UFC em NY

Caju Freitas: a grande injustiça cometida com Werdum

— Se a Miesha Tate ainda for a campeã, ela vai lutar com Miesha. Quem quer que esteja com o cinturão, essa será a adversária da Ronda. Eu não estou dizendo que a Holly Holm não pode ser campeã na época em que a Ronda voltar. Então, quem quer que esteja com aquele cinturão lutará com a Ronda quando ela estiver pronta — concluiu.

Aos 29 anos, Ronda Rousey construiu um cartel com 12 vitórias e apenas uma derrota, que aconteceu em novembro do ano passado, quando foi nocauteada por Holly Holm. Sua algoz acabou finalizada por Miesha Tate em sua primeira defesa de cinturão, em março.

*LANCEPRESS

Deixe seu comentário:

Últimas notícias

Loading interface... Todas de Esportes

publicidade

Colunistas

    publicidade

    publicidade

    publicidade