A International Football Association Board (IFAB), responsável pelas regras do esporte mundial, criou uma nova regra para proteger os jogadores: a substituição extra. A mudança vale para todas as ligas de futebol do mundo, e será seguida no Brasileirão 2024.

Continua depois da publicidade

Leia mais notícias do Esporte no NSC Total

Clique aqui para entrar na comunidade do NSC Total Esporte no WhatsApp

Onde estão os jogadores da seleção brasileira do fatídico 7 a 1 dez anos depois

O que muda com a nova regra de substituição extra?

  • Os técnicos podem fazer uma substituição extra em casos constatados de concussão, além das cinco já previstas;
  • A concussão deve ser apontada por um médico da equipe da comissão técnica;
  • Para isso, o médico precisa entregar um papel vermelho ao quarto árbitro;
  • Se um clube exercer o direito à substituição extra, dá ao adversário também mais uma substituição, por qualquer motivo.

Continua depois da publicidade

A IFAB determinou que essa nova regra deve ser adotada obrigatoriamente a partir de julho deste ano. Entretanto, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) decidiu aplicá-la antecipadamente, e já vai valer para o Brasileirão 2024, que começa neste sábado (13).

Para os campeonatos da CBF que já estão em andamento, como é o caso da Copa do Brasil, Copa do Nordeste, Copa Verde, Brasileirão Sub-20, Brasileirão Feminino Sub-20 e Copa do Brasil Sub-17, a nova regra será válida a partir da próxima fase de cada torneio.

*Lia Capella é estagiária sob supervisão de Diogo Maçaneiro

Publicidade

Além de muita informação relevante, o NSC Total e os outros veículos líderes de audiência da NSC são uma excelente ferramenta de comunicação para as marcas que querem crescer e conquistar mais clientes. Acompanhe as novidades e saiba como alavancar as suas vendas em Negócios SC.

Destaques do NSC Total