publicidade

Cacau

Contratação cara

Prefeito de Itajaí gasta R$ 450 mil em palestra de 1h15min

Compartilhe

Por Cacau Menezes
04/04/2019 - 04h20 - Atualizada em: 05/04/2019 - 16h35

Prefeito de Itajaí, Volnei Morastoni, gastou R$ 450 mil para que Jamil Albuquerque, diretor do Instituto Albuquerque de Cursos e Assessoria, de Curitiba, ministrasse uma palestra de apenas 1h15min para os servidores da prefeitura.

A denúncia foi feita na Câmara pelo vereador Robson Coelho, segundo o qual o gasto foi feito em detrimento de outras prioridades do município, como o fornecimento de uniformes para os alunos e de bolsas de estudo para universitários. Ainda segundo o vereador, a contratação da palestra foi legal, obedecendo as exigências previstas em lei, mas foi “imoral”, porque o palestrante é amigo íntimo do prefeito.

Nossas pontes

“Prezado Cacau; Com relação à nota da sua coluna de terça-feira (02), ‘Nossas pontes’, a título de esclarecimento, as pontes Colombo Salles e Pedro Ivo citadas fazem parte do Plano de Desenvolvimento da Área Metropolitana de Florianópolis, cujo registro de autoria é do arquiteto Luiz Felipe da Gama Lobo d’Eça, na qualidade de supervisor geral e responsável técnico pelos assuntos de arquitetura e urbanismo do Escritório Catarinense de Planejamento Integrado, com data em 4 de maio de 1972, conforme certidão emitida pelo CREA/SC.

Este plano data do final da década de 1960, foi contratado pelo então prefeito Acácio Garibaldi Santiago e tem como principais obras já realizadas, além das pontes, o aterro da Baía Sul, a Via Expressa Sul e túnel, as vias de contorno norte (Beira-Mar Norte) e do Estreito (Beira-Mar Estreito), a ligação expressa com a BR-101 e as demais vias no continente iniciadas e não finalizadas como a chamada PC-3.

Além disso, o escritório desenvolveu o plano de desenvolvimento da área do Campeche, que deixou de ser implantado. Um abraço, engenheiro civil Eduardo Luz da Gama Lobo d’Eça”.

“Era brincadeira”

“Caro Cacau, não existe nenhum projeto de minha autoria com essa intenção de instituir ‘O Dia em que o Socialismo Deu Certo’ em 1º de abril, fazendo uma traquinagem com o dia da mentira. Foi uma brincadeira, como a postagem deixava claro. A postagem foi para descontrair um pouco o clima das duras e maçantes postagens que faço constantemente sobre política.

Não tirou meu tempo de trabalho (a foto foi feita por volta das 19h de sexta passada (29), quando meu gabinete era um dos únicos ainda abertos). Obrigado pelo espaço, sempre plural e democrático. Abraços, Bruno Souza”. Sim, eu disse que tinha sido uma brincadeira.

Mudança

Prefeito Gean Loureiro e a família se mudam na semana que vem para a casa onde moravam seus pais no Jurerê, o Tradicional, e onde o prefeito vai residir. Os pais voltam para Coqueiros. Para alegria das filhas, na idade das baladas, e da própria família, que se livra de um aluguel caríssimo da casa de Sambaqui, e do bairro, que terá um morador para resolver seus problemas.

Deixe seu comentário:

publicidade