nsc
    nsc

    Litoral

    Carros de cidades vizinhas são retidos em barreiras em Balneário Camboriú; medida contraria decreto

    Compartilhe

    Dagmara
    Por Dagmara Spautz
    19/03/2020 - 07h42 - Atualizada em: 19/03/2020 - 09h59
    Barreira no limite entre Itajaí e Balneário Camboriú (foto: Luiz Carlos Souza)
    Barreira no limite entre Itajaí e Balneário Camboriú (foto: Luiz Carlos Souza)

    Na primeira manhã de funcionamento das barreiras nas entradas de Balneário Camboriú, para conter o avanço do coronavírus, veículos com placas de cidades vizinhas, como Itajaí, foram retidos. Os motoristas precisaram comprovar que estavam entrando no município a trabalho.

    A medida contraria o decreto que estabeleceu as barreiras, publicado na quarta-feira (18) pelo Fabrício Oliveira. O texto cita, especificamente, cidades onde há contaminação comunitária pelo covid-19. Veja:

    "Art. 7º As vias públicas de acesso ao Município de Balneário Camboriú, a partir desta data, contarão com barreiras fixas e móveis, monitoradas pela Secretaria da Saúde e Saneamento e Secretaria de Segurança, os quais farão verificação do estado de saúde, orientação e prevenção aos ocupantes do veículo.

    § 1º Ficam restritos de entrar no Município os veículos com registro de licenciamento, bem como seus ocupantes provenientes de cidades onde resta confirmada a contaminação comunitária pelo vírus COVID-19."

    No fim da tarde de quarta-feira, o secretário de Segurança, David Queiroz, reiterou à coluna que a retenção seria para carros que viessem de áreas de risco. A prefeitura de Balneário Camboriú ainda não esclareceu a mudança de procedimento.

    Na abordagem, os motoristas e passageiros dos veículos podem ser submetidos a avaliação de temperatura com termômetros. Se tiverem febre e sintomas de coronavírus, serão encaminhados às unidades de saúde.

    Veja o que pode ou não funcionar em SC com o decreto de emergência:

    Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz - NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz​​

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas