nsc
nsc

Arbitragem

Surfe na Olimpíada de Tóquio terá representante de Santa Catarina

Compartilhe

Evandro
Por Evandro de Assis
11/07/2021 - 15h50 - Atualizada em: 13/07/2021 - 10h01
Luli Pereira foi o chefe dos juízes da liga mundial feminina na última temporada
Luli Pereira foi o chefe dos juízes da liga mundial feminina na última temporada (Foto: Arquivo pessoal)

Santa Catarina terá representante na estreia do surfe como modalidade olímpica, em Tóquio. Não na água, mas na arbitragem. Luli Pereira, de Balneário Camboriú, trabalhará como juiz nas competições masculina e feminina. Ex-surfista profissional, desde 2004 ele atua como julgador e há 12 anos é juiz em tempo integral da Liga Mundial de Surfe (WSL, na sigla em inglês).

> Receba notícias de Blumenau e região direto no Whatsapp.

Na última temporada, Pereira foi o chefe dos juízes na liga feminina. No surfe, sete árbitros dão notas às manobras, orientados por critérios do chefe (head judge). A experiência contou na escolha de Pereira para ir ao Japão. Mas será uma oportunidade diferente, com a exposição maciça que a Olimpíada proporcionará.

> Olimpíada 2021: veja quais são as modalidades dos Jogos em Tóquio.

— A transmissão ao vivo vai ser muito importante para educar as pessoas, principalmente quem nunca teve contato com uma competição de surfe. Eles vão ter que descrever as manobras, ensinar como é a avaliação. Sendo um esporte subjetivo, claro que é passível de interpretações — prevê.

Embora o julgamento esteja imerso nessas subjetividades, os juízes têm olhos treinados para identificar detalhes mínimos, que podem custar uma medalha de ouro. Para que as avaliações sejam precisas, pode ser necessário reprisar ondas em vídeo. Quantas vezes for necessário.

Luli Pereira embarca ao Japão no fim do mês. As provas do surfe ocorrem de 25 a 28 de julho, em Tsurigasaki, a 60 quilômetros da capital japonesa. Os surfistas brasileiros em Tóquio serão Gabriel Medina, Italo Ferreira, Tatiana Weston-Webb e Silvana Lima.

Receba textos e vídeos do colunista Evandro de Assis direto no WhatsApp.

Leia também

Meia Maratona em Blumenau neste domingo é autorizada, mas com menos corredores

Agendamento de 2 mil vacinas contra a Covid-19 em Blumenau termina em 4 minutos

Como e quando vai funcionar a faixa reversível da General Osório, em Blumenau

Oktoberfest Blumenau 2021 esbarra na Covid-19 e no tempo curto

Evandro de Assis

Colunista

Evandro de Assis

Notícias e comentários exclusivos sobre o cotidiano de Blumenau e do Vale do Itajaí.

siga Evandro de Assis

Evandro de Assis

Colunista

Evandro de Assis

Notícias e comentários exclusivos sobre o cotidiano de Blumenau e do Vale do Itajaí.

siga Evandro de Assis

Mais colunistas

    Mais colunistas