A Comissão de Arbitragem da Federação Catarinense de Futebol já respondeu a reclamação formal do Avaí e admitiu os erros da arbitragem comandada por Luiz Augusto Silveira Tisne e “interferência direta”, com os erros, no resultado da partida, a vitória do Hercílio por 2 x 1 em cima do Avaí.

Continua depois da publicidade

Avaí faz reclamação formal alegando “erros sucessivos da arbitragem”

Leia mais notícias do Esporte no NSC Total

Clique aqui para entrar na comunidade do NSC Total Esporte no WhatsApp

A declaração foi dada pelo diretor do departamento, Marco Antônio Martins, em entrevista ao Em Cima do Lance, da CBN Floripa, nesta terça-feira.

Continua depois da publicidade

Marco Antônio Martins, diretor da Comissão de Arbitragem da FCF, foi o entrevistado do ECDL, na CBN Floripa (Foto: reprodução)

“A resposta já foi encaminhada ontem (segunda-feira,29) no final da tarde. O lance do gol anulado (do primeiro tempo) é um lance de VAR. Entendemos também uma penalidade favorável ao Avaí do goleiro do Hercílio. A reclamação procede. O gol anulado do Avaí (do segundo tempo) a gente não consegue ter a certeza se a bola bate no braço ou não do jogador do Avaí. A gente não conseguiu cravar. E o gol do Hercílio Luz a gente entendeu como toque deliberado da zaga do Avaí, então o gol foi normal. Então a gente entende que houve (neste jogo) uma interferência direta no resultado da partida”

VÍDEO: Assista o lance do pênalti e o gol do Avaí contra o Hercílio Luz

Confira os melhores momento de Hercílio Luz 2 x 1 Avaí, pela 2° rodada do Campeonato Catarinense

Veja fotos de Hercílio Luz x Avaí

Confira momentos de Figueirense x Joinville

Além disso, Marco Antônio Martins admitiu que houve um “erro de procedimento” de Gustavo Bauermann, que apitou Figueirense 1 x 1 Joinville, na polêmica marcação da falta na entrada da área, que gerou a expulsão do volante Bruno Silva. A Comissão avaliou que houve pênalti e que o árbitro errou ao não seguir o assistente. 

Continua depois da publicidade

“Houve um erro de procedimento e um erro de posicionamento. O Bauermann teve o apoio do assistente número dois. Aquele é um lance do assistente e o assistente correu (para a linha de fundo assinando o pênalti) com muita convicção. E o Bauermann deveria ter seguido o assistente”

Martins ainda revelou que o diretor executivo de futebol do Figueirense, Marco Aurélio Cunha, também fez uma reclamação por telefone à Comissão. 

VÍDEO: Veja os gols do empate entre Figueirense e Joinville no Catarinense

E confirmou, sem usar a expressão, que Luiz Augusto Tisne e Gustavo Bauermann estão cumprindo um tempo de geladeira, afastados das rodadas três e quatro desta primeira fase do Estadual.

Confira a entrevista completa no Em Cima do Lance, da CBN Floripa:

Destaques do NSC Total