nsc

publicidade

Faraco

Movimento

Paulo Prisco Paraíso de volta ao Orlando Scarpelli

Compartilhe

Por Faraco
07/10/2019 - 19h24
Prisco (de chapéu) ao lado de outros alvinegros históricos. Foto: Arquivo Pessoal
Prisco (de chapéu) ao lado de outros alvinegros históricos. Foto: Arquivo Pessoal

O final da tarde nesta segunda-feira foi agitado nas redes sociais alvinegras. Não era nada relativo ao jogo desta terça, compromisso difícil contra o Botafogo-SP, de Hemerson Maria. Aliás, mais uma das 12 decisões que o time vai ter para permanecer na Série B. O assunto era a possível volta do ex-presidente Paulo Prisco Paraíso ao Figueirense. Várias fotos circularam em perfis no Twitter e no Instagran com Paulo Prisco e uma parte do grupo dele, que conduziu uma gestão extremamente vencedora nos anos 2000.

O que apurei é que há uma disposição de participar no que for possível agora para resgatar o clube. Prisco e os demais membros de sua histórica diretoria, incluindo João Gonçalves, José Carlos Lages, Vera Lúcia Rodrigues, Thiago D’Ivanenko, Gustavo Neves, Norton Boppré e Rodrigo Prisco, se colocam à disposição do Figueirense, cada um em sua respectiva área, para ajudar neste final de ano, o final da duríssima temporada, no que for necessário. Todos estavam na reunião.

Pelo Figueirense atual, estavam o presidente Chiquinho de Assis, Roberto Costa, Nikolas Bottós e Luiz Ângelo Sombrio. Porém, apesar de Paulo Prisco Paraíso ter voltado a pisar em solo alvinegro – desde 2010 não fazia – indo ao Orlando Scarpelli para a reunião, não há ainda uma real perspectiva de volta à direção do clube. Mas pela agitação dos torcedores, dá pra imaginar como uma volta da “era Prisco” seria aceita pelo torcedor alvinegro.

Deixe seu comentário:

Rodrigo Faraco

Faraco

Faraco

Jornalista e comentarista esportivo, sempre atento ao que acontece especialmente no futebol catarinense, faz análises e bastidores dos times do Estado.

rodrigo.faraco@somosnsc.com.br

publicidade

publicidade

Mais colunistas

publicidade

publicidade