publicidade

Navegue por
Faraco

Reforços

"São duas grandes contratações", diz Argel sobre Andrigo e Ferrareis

Compartilhe

Por Faraco
27/06/2019 - 07h20 - Atualizada em: 27/06/2019 - 21h19
Andrigo e Argel nos tempos de Inter. Foto: Ricardo Duarte/Inter
Andrigo e Argel nos tempos de Inter. Foto: Ricardo Duarte/Inter

O ano é 2016. Andrigo e Gustavo Ferrareis eram titulares e foram campeões gaúchos juntos no time do Internacional. O treinador era Argel Fucks, que praticamente bancou uma geração de novos naquela equipe do Inter. A afirmativa acima é do técnico, com quem conversei na tarde de ontem. A ideia era ouvir um pouco mais das características dos jogadores. Foram muitos elogios do treinador: “os dois foram fundamentais naquela conquista de 2016”.

Andrigo

Argel foi de muitos elogios para as qualidades técnicas do novo meia-atacante do Figueirense. “O Inter precisava de um novo camisa 10 com a ida de D’Alessandro para o River Plate. E aí apostamos no Andrigo e ele fez um Campeonato Gaúcho em que foi escolhido o melhor jogador. Assumiu realmente o protagonismo de jogar com a número 10”. As características do atleta foram muito ressaltadas. “É aquele jogador altamente técnico. É aquele 10 nato, que joga atrás dos dois atacantes, que sabe pifar, que sabe fazer gol de bola parada, bate muito bem na bola”.

Argel aposta na recuperação do jogador. “Acredito que o Andrigo vai recuperar o seu melhor futebol no Figueirense. Ele teve uma ótima passagem no Ceará e eu acredito que ele vai recuperar o mesmo nível de atuações que ele também já havia apresentado no Internacional”.

Ferrareis

Argel pensa em Gustavo Ferrareis de uma forma diferente da que ele foi visto aqui na sua passagem pelo Figueirense, quando atuou muito mais como um atacante pela esquerda. “É aquele cara forte e rápido, um segundo volante, que pode jogar como meia ou atacante também. Ele tem mais força, mais vigor físico e tem um pulmão muito grande”. Argel guarda a lembrança de um jogo especial no Brasileiro daquele mesmo ano em que o Inter venceu o Santos na Vila Belmiro. “Só duas vezes na história o Inter ganhou o Santos na Vila. Nós ganhamos de 1 a 0 e o Ferrareis foi escolhido naquele dia o melhor em campo. E realmente ele fez uma partida fantástica”.

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação