nsc
    nsc

    Em casa

    Vinícius Eutrópio tem identidade com o Figueirense

    Compartilhe

    Faraco
    Por Faraco
    31/07/2019 - 06h45 - Atualizada em: 31/07/2019 - 06h43
    Foto: Jessé Gioti/Arquivo DC
    Foto: Jessé Gioti/Arquivo DC

    O Figueirense anunciou o substituto de Hemerson Maria. Trouxe um técnico que também tem sua história no Alvinegro. Vinicius Eutrópio, mais uma vez, encara o Figueirense num período de turbulências – foi assim em 2013, quando a pressão e o descrédito eram grandes. Teve sucesso naquela temporada. Tenho uma avaliação bem particular sobre o trabalho dele. Sempre achei Vinicius um grande montador de times.

    Melhor do que treinador, sabe muito sobre tudo que envolve a construção de uma equipe e as alternativas táticas e métodos de treinamento. Mas às vezes não consegue transferir para o campo e para o dia a dia. Pelo menos, Eutrópio conhece muito bem o Figueirense, a cidade, a torcida e tudo que isso representa – ao contrário de quem comanda o futebol do clube atualmente.

    Um bom resultado

    Com tudo que ocorreu nestas últimas semanas, o empate com o Vitória pode ser considerado um bom resultado. Até porque o time não se preparou para o jogo com as exigências de uma preparação correta. A saída de Hemerson Maria, a falta de treinos entre sábado e terça, e todo o ambiente de discussões entre jogadores, comissão e direção da empresa.

    O Vitória em campo foi melhor no todo da partida, principalmente na reta final, quando ficou com um jogador a mais em campo. O Figueirense mostrou disposição e correu bastante, mas não teve forças no final para brigar pelo resultado. Um pontinho somado é até positivo.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas