nsc

publicidade

Laine

Bem-estar

Empoderamento através do surfe em Florianópolis

Compartilhe

Por Laine Valgas
10/06/2019 - 10h05
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Esse é um convite para você que é mulher: que tal empoderar-se através do Surf? O convite é das meninas do Elasurf, de Florianópolis, que nesta semana vão se reunir num evento muito bacana, na Capiltal – e nos chamam para fazer parte. O grupo desenvolve trabalhos para introduzir na vida das participantes tanto o surfe, quanto a qualidade de vida que este esporte proporciona - um processo de desenvolvimento pessoal, no qual temos que lidar constantemente com desafios, nos adaptar à força da natureza, entrar em contato com nossos medos e respeitar nossas limitações.

Nesta quinta, dia 13 de junho, elas promovem um momento de trocas inspiradoras com a participação de mulheres que são referência no cenário do Surf Feminino, entre elas: Marina Werneck, Fafa Valle, Sara Uchôa, Carol Lucena, Vivian Henrique e Vicky Machado. Tudo será   na Casa Flutuar (Rodovia Dr. Antônio Luiz Moura Gonzaga, 3078 - Rio Tavares), a partir das 18h, nesta quinta. Os ingressos variam de R$15 a R$25 e podem ser obtidos no site. Vai ser show!

O desespero de Lourival Nosso leitor Lourival Nunes, de Florianópolis, começa a semana denunciando algo que tem tirado seu sossego e o deixado muito preocupado: a falta de insumos para o tratamento e controle do diabetes no Posto de Saúde do Rio Vermelho, na Capital.

“As tiras reagentes para controle de glicemia para pacientes diabéticos, seringas e lancetas estão em falta desde fevereiro deste ano – lá se vão 5 meses! Não entendo como até agora a Secretaria de Saúde de Florianópolis, de forma irresponsável, não encontra solução para fornecer os medicamentos que tanto precisamos”, desabafa. E a reclamação do Lourival segue direto para as autoridades responsáveis. Espero voltar logo, com melhores notícias neste caso...

Deixe seu comentário:

publicidade