nsc

publicidade

Mário

Saúde

Entidades apresentam como atuam com autismo em crianças e adolescentes de Florianópolis

Compartilhe

Por Mário Motta
17/06/2019 - 08h13
Foto: Agência RBS
Foto: Agência RBS

O Grupo de Trabalho Transtorno do Espectro Autista (GT-TEA) se reuniu na sede do Ministério Público de Santa Catarina na semana passada para a apresentação de instituições de saúde que atuam no diagnóstico e acompanhamento de crianças e adolescentes com autismo em Florianópolis.

O Centro de Avaliação e Reabilitação da Aprendizagem (CeDRA) e a Fundação Catarinense de Educação Especial (FCEE) mostraram a forma de atuação e projetos. O encontro foi uma continuidade das apresentações que se iniciaram em maio com as instituições Reabilitação Intelectual e Transtorno do Espectro do Autismo (RIA/CCR), Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE Florianópolis) e a Gerência de Projetos Inovadores/Educação Especial da Secretaria Municipal de Educação.

Esse espaço de articulação intersetorial e multidisciplinar é idealizado para o fortalecimento da rede de proteção e atendimento da criança do adolescente de Florianópolis nos aspectos de saúde, tendo como princípios a socialização de ideias e o encaminhamento de boas práticas, pactuando fluxos de trabalho para assegurar qualidade de atendimento e diagnóstico de crianças e adolescentes com suspeitas de autismo ou já diagnosticados.

Deixe seu comentário:

publicidade