publicidade

Navegue por
Pancho

Tecnologia

Novo equipamento da PRF facilita identificação de motoristas sob efeito de álcool

Compartilhe

Por Pancho
28/12/2018 - 09h00 - Atualizada em: 28/12/2018 - 11h19
PRF usa nova tecnologia na fiscalização na BR-470
(Patrick Rodrigues, Jornal de Santa Catarina)

Por Redação Santa

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) conta com um reforço na fiscalização das estradas neste período de fim de ano. Há cerca de dois meses, os policiais usam um novo aparelho nas operações de trânsito: o Iblow. O equipamento faz uma espécie de triagem entre os condutores. O policial apenas aproxima o aparelho, que tem formato de um bastão amarelo, e pede para que os condutores soprem a uma distância aproximada de 10 centímetros, como se fossem apagar uma vela de aniversário.

Se acender a luz verde, é sinal de que não existe álcool e o motorista pode seguir viagem sem precisar passar por uma abordagem. Se acender a luz vermelha, que pode indicar baixa ou alta quantidade de álcool com base no sopro do motorista, o condutor é orientado a estacionar e recebe a possibilidade de fazer o teste do etilômetro.

O Iblow não mede a quantidade de álcool, que só é aferida pelo etilômetro, caso o condutor aceite fazer o teste, mas ajuda os policiais a fazer uma triagem dos condutores. Na tarde da última terça-feira, em frente ao posto da PRF de Blumenau, policiais rodoviários faziam rápidas abordagens nos condutores com o Iblow, sem precisar sair do carro. O equipamento é usado nas fiscalizações da Operação Rodovida, da PRF, na BR-470 e na BR-101.

O equipamento ajuda a direcionar toda a fiscalização, agiliza o processo de triagem, faz a seleção dos condutores que estão realmente sob efeito de álcool, permite a quem não ingeriu álcool seguir viagem. Enfim, agiliza todo o processo de retirada de circulação

Ricardo Torres, policial rodoviário federal da unidade de Blumenau

Deixe seu comentário:

Pancho

Pancho

Pancho

O noticiário de Blumenau e região enriquecido com opinião. Política, segurança pública e as polêmicas da região, além da análise, dicas e curiosidades do cotidiano.

pancho@somosnsc.com.br

publicidade

publicidade

Mais colunistas

publicidade

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação