nsc
    nsc

    NOVOS ACELERADORES

    Saúde de Joinville assina contrato de R$ 16,4 milhões para tratamento do câncer no Hospital São José

    Compartilhe

    Saavedra
    Por Saavedra
    16/12/2020 - 15h35 - Atualizada em: 16/12/2020 - 15h39
    Novos aceleradores vão utilizar mesmo espaço usado pelo equipamento desativado
    Novos aceleradores vão utilizar mesmo espaço usado pelo equipamento desativado (Foto: Divulgação)

    Para a retomada e ampliação de uma das modalidades de tratamento do câncer no Hospital Municipal São José, a Secretaria de Saúde de Joinville assinou nesta quarta-feira contrato de R$ 16,4 milhões com empresa vencedora de licitação. Assim, a instalação de novos equipamentos de radioterapia deve iniciar em janeiro, com ativação dos aceleradores lineares em até seis meses.

    > Joinville prorroga medidas sobre coronavírus; novo decreto sai na quinta

    > Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui

    Neste momento, o Hospital São José mantém atendimeto em quimioterapia, na especialidade de oncologia. Na radioterapia, o acelerador linear em operação desde 2011, o primeiro na cidade, foi desativado em fevereiro porque havia necessidade de troca de dispositivo, com custo elevado (perto de R$ 1 milhão) em momento no qual estava prevista a instalação de novos aparelhos. A máquina de cobalto, ativada em 1991, foi desligada neste mês, pelo mesmo motivo - necessidade de substituição de peça (no caso, a pastilha de radição).

    Sem a radioterapia no São José, os pacientes do SUS passaram a ser atendidos exclusivamente, em radioterapia, na Unimed e Hospital São José de Jaraguá do Sul, credenciados pela Secretaria de Saúde de Joinville ainda no ano passado. Os novos aparelhos, cuja compra terá participação do Ministério da Saúde, serão instalados, pela empresa contratada, na mesma casamata onde funcionou o equipamento anterior.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas