O Brusque explicou, nesta quarta-feira (1), por que recusou a negociação das cotas com a Liga Forte Futebol, que negocia a venda de 20% dos direitos comerciais pelos próximos 50 anos.

Continua depois da publicidade

Leia mais notícias do Esporte no NSC Total

Ex-atacante do Avaí é morto a tiros durante as férias

Suárez e Messi juntos: Jornal revela acordo entre o centroavante do Grêmio e o Inter Miami

Segundo o Quadricolor, a decisão foi tomada após uma reunião do Conselho Deliberativo do Brusque, que não aceitou a proposta da venda dos 20% por cinco décadas pelo montante de R$ 7 milhões a serem recebidos em pouco mais de três anos.

Continua depois da publicidade

— Os conselheiros entendem que o valor atribuído aos direitos do Brusque FC não condiz ao valor de um clube que, estando na Série B, fundou a LFF e antes do “closing” da operação de venda dos direitos retornou à Série B — escreveu o clube por meio de nota.

Além disso, acrescentou que o Marreco está livre para negociar com as demais Ligas, inclusive a Forte Futebol, até que seja apresentada uma “readequação do valor a ser pago ao Brusque pela venda dos 20% dos direitos de transmissão e demais direitos previstos”.

Dois blocos de clubes que estão na Série A e na Série B do futebol brasileiro assinaram a venda de 20% dos direitos comerciais pelos próximos 50 anos para um grupo de investidores. Segundo o ge, o negócio foi fechado em cerca de R$ 2,6 bilhões a serem distribuídos entre os times, conforme os critérios previamente estabelecidos.

Os clubes da Série B que fazem parte da Liga Forte e assinaram contrato são: Sport, Ceará, Avaí, Chapecoense, Juventude, Atlético-GO, Criciúma, CRB, Vila Nova, Londrina, Tombense, Figueirense, CSA e Operário.

Continua depois da publicidade

Assista também

Publicidade

Além de muita informação relevante, o NSC Total e os outros veículos líderes de audiência da NSC são uma excelente ferramenta de comunicação para as marcas que querem crescer e conquistar mais clientes. Acompanhe as novidades e saiba como alavancar as suas vendas em Negócios SC.

Destaques do NSC Total