nsc
dc

Eleições 2016

Com longas filas nos últimos dias da biometria, TRE-SC terá prazo extra para regularização

Prazo para biometria nas cidades em que há obrigatoriedade termina nesta terça, mas quem não puder ser atendido deve comparecer aos postos de atendimento de 29 de março a 15 de abril

21/03/2016 - 07h39 - Atualizada em: 21/03/2016 - 13h29

Compartilhe

Por Redação NSC

Eleitores enfrentam fila para o cadastramento biométrico em Florianópolis, SC

VÍDEO: DC responde as principais perguntas sobre o cadastramento biométrico

Confira como funciona o cadastramento e os documentos necessários

Confira os locais dos postos de atendimento para a biometria

Diante da grande procura de última hora, nesta segunda e terça-feira serão distribuídas senhas nos postos de atendimento (a quantidade varia de acordo com a estrutura em cada município, mas em Florianópolis e Joinville serão cerca de 2 mil senhas nesta segunda, por exemplo). Mas o eleitor que pegar uma senha e não puder ficar esperando muito tempo e também aquele que não puder nem mesmo ir até o cartório nesta segunda ou terça-feira, terá uma última oportunidade: ele deve comparecer aos postos de 29 de março a 15 de abril, das 12h às 18h, para regularizar a situação e evitar as consequências do cancelamento do título. O atendimento não seguirá já a partir desta quarta porque entre 23 e 28 de março o TRE faz o fechamento e balanço dos dados.

O Tribunal explica que o título de eleitor entra numa listagem prévia a partir de quarta-feira, mas o cancelamento efetivamente demora até 15 dias para ocorrer, e portanto é possível reverter o processo nesse período. Assim, quem normalizar o cadastro entre 29 de março e 15 de abril evitará a perda definitiva do título para as eleições de 2016 e as consequências legais. Nestas datas, os postos de atendimento voltam a funcionar das 12h às 18h, e não mais das 9h às 18h como ocorre nesta segunda e terça-feira.

A decisão do TRE-SC não é necessariamente a mesma de outros locais. Por isso, quem é eleitor de outro Estado e mora em SC deve se informar e ficar atento para saber se, na cidade em que vota, a biometria é obrigatória e a partir daí conferir os prazos do cadastramento nestes municípios. Vale lembrar que as pessoas que votam em uma cidade onde há biometria obrigatória precisam fazer o cadastramento nestes municípios, obedecendo os prazos de lá. A outra opção é transferir o título para SC dentro do prazo nacional, que termina em 4 de maio.

Eleitores enfrentam filas nos últimos dias de cadastramento biométrico

Cadastramento Biométrico: Como é feito?

Visando priorizar o cadastramento obrigatório, até terça-feira não serão feitos alistamentos para pessoas que ainda não possuem título e transferências de eleitores dos municípios que não estejam passando por revisão do eleitorado. O atendimento volta à normalidade no dia 29 de março e vai até 4 de maio para estes casos, prazo do fechamento do cadastro eleitoral nacional.

Cadastramento Biométrico: O que acontece para o eleitor que não fizer a biometria?

Para dar oportunidade para os eleitores que deixaram para fazer seu cadastro na última hora, a Justiça Eleitoral catarinense fez plantões nas cidades em que a biometria está acontecendo de forma obrigatória, no último fim de semana. No total, em ambos os dias, 10.717 eleitores foram biometrizados em Florianópolis, Blumenau, Palhoça, Joinville e São José.

Cadastramento Biométrico: Qual a documentação necessária?

Cadastramento Biométrico: Dos 16 aos 17 anos, é necessário o cadastramento?

Em números gerais, Palhoça é a cidade que cadastrou a maior parte do seu eleitorado até agora, contando atualmente com 87% dos eleitores biometrizados. São José tem 85,5% dos eleitores cadastrados, seguido por Blumenau, que totalizou 84,6%. Até o momento, Joinville realizou a biometria de 83,1% dos eleitores e Florianópolis, de 81,4%.

Cadastramento Biométrico: Meu título de eleitor está em outra cidade. O que devo fazer?

Deixe seu comentário:

Últimas notícias

Loading interface... Todas de Cotidiano

Colunistas