A relação contratual entre o Figueirense e a empresa Elephant, que geriu o clube entre 2017 e 2019, está definitivamente extinta. O Conselho Deliberativo do Alvinegro recebeu da Justiça uma certidão informando o encerramento do processo. O presidente do CD, Francisco de Assis Filho, comunicou a vitória judicial nesta quarta-feira (17).

Continua depois da publicidade

> Figueirense rechaça desistência de competições e segue em busca do pedido de recuperação

— Em decorrência de Certidão emitida na data de hoje, é com satisfação que informamos à todos, de que se encontra definitivamente encerrado o processo de rescisão unilateral do contrato com a empresa Elephant, fruto de ação judicial que movemos em setembro de 2019, e que permitiu a retomada da gestão integral do Figueirense Futebol Clube — informou Francisco de Assis Filho.

> Clique aqui e receba as principais notícias de Santa Catarina no WhatsApp

A sentença favorável ao Alvinegro, rompendo a relação contratual com a Elephant, foi proferida no último dia 11 de fevereiro. Os representantes da empresa não entraram com recurso e assim, após o prazo legal, o processo passou pelo trânsito em julgado. Assim, o contrato assinado em 2017, que cedia a gestão do Figueirense por até 35 anos, está extinto.

Continua depois da publicidade

> Quatro em Campo: entenda a batalha do Figueirense na Justiça

— Embora não tenhamos muito o que comemorar no momento, considero da maior importância o sentimento de segurança, que permite à atual diretoria concentrar esforços nos projetos de recuperação do ainda maior clube de Santa Catarina — pontua o presidente do Conselho Deliberativo do Figueirense.

> Volante do Figueirense se aproxima da volta aos gramados após um ano: “Contando os dias”

A dívida alvinegra chegou aos R$ 165 milhões após a experiência mal-sucedida junto à empresa Elephant. O clube busca na Justiça um pedido de recuperação para suspender a execução de cobranças. A possibilidade de uma falência foi citada na solicitação da liminar, mas o Figueirense já garantiu que irá manter todas as suas atividades em funcionamento.

Leia mais

> Tcheco projeta decisão contra o Figueirense pela Copa do Brasil: “É um sonho que temos”

Continua depois da publicidade

> Quatro em Campo recebe Raffaele Messina, coordenador de futebol do Figueirense

> Debate Diário: Palmas x Avaí no Independência e os jogos da Copa do Brasil​​

Destaques do NSC Total