nsc
    dc

    Nada feito

    McGregor contraria Dana White e diz que não pretende abrir mão de cinturão

    O irlandês disputará o título dos leves em 12 de novembro pelo UFC 205

    28/09/2016 - 09h57 - Atualizada em: 21/06/2019 - 22h32

    Compartilhe

    Por Lancepress
    (Foto: )

    Conor McGregor não poupa esforços para causar polêmica. Após Dana White declarar que o irlandês terá que abrir mão de um cinturão, caso derrote Eddie Alvarez no UFC 205, o lutador parece não ter dado a mínima para a decisão do presidente do UFC.

    Durante uma coletiva para promover o evento, que acontece no dia 12 de novembro, realizada na última terça-feira, McGregor falou sobre a escolha que teria que fazer.

    Leia mais:

    Wendell Ferreira: dinheiro fala mais alto no UFC

    Irritado com o UFC, José Aldo pede fim do contrato: "Não sou empregado do McGregor"

    Dana White diz que Ronda Rousey quer enfrentar Cris Cyborg

    — Vou colocar um cinturão neste ombro, um no outro e a partir daí vão precisar de um exército para tirar um deles de mim — garantiu Conor.

    McGregor conquistou o cinturão dos penas em dezembro do ano passado ao nocautear José Aldo em apenas 13 segundos. Desde então, o irlandês não fez nenhuma defesa de título, mas lutou duas vezes na categoria dos meio-médios contra Nate Diaz, amargando uma derrota por finalização no primeiro encontro e uma vitória por pontos no segundo combate, em agosto deste ano.

    *LANCEPRESS

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Esportes

    Colunistas