nsc

publicidade

Crise 

Presidente de Conselho do Figueirense diz que contrato com Elephant pode ser rompido após dia 28

Francisco de Assis Filho afirma que antes desta data não há segurança jurídica

21/08/2019 - 19h50 - Atualizada em: 21/08/2019 - 22h45

Compartilhe

Por Redação CBN Diário
Presidente do Conselho Deliberativo, Francisco de Assis Filho (de branco)
Presidente do Conselho Deliberativo, Francisco de Assis Filho (de branco)
(Foto: )

A tarde desta quarta-feira (21) foi de reuniões no Scarpelli após o W.O diante do Cuiabá fora de casa. Enquanto atletas estiveram reunidos com parte da atual administração, a Associação Figueirense discutiu o momento alvinegro.

De acordo com o presidente do Conselho Deliberativo, Francisco de Assis Filho, não há segurança jurídica para retirar a Elephant, empresa que gere o clube, antes do dia 28. Até esta data foi prometida a quitação de salários atrasados de jogadores e funcionários

Ainda na tarde desta quarta, os jogadores do Figueirense foram ao Scarpelli e demonstraram surpresa com a chegada de novos contratados em meio à crise financeira. Houve uma conversa com o departamento jurídico. Se a base e funcionários receberem até quinta (21), profissionais voltam aos treinos.

O clube marcou atividade justamente para quinta de tarde. O Figueira encara o CRB, no sábado (24), em casa, às 19h.

Leia mais

Quem é quem na crise que levou o Figueirense a perder por W.O.

Figueirense encaminha acerto com oito jogadores, e indica reformulação do elenco

Atletas do Figueirense chegam a Florianópolis após confusão em Cuiabá e recebem apoio

Deixe seu comentário:

publicidade