O ano de 2023 foi marcado por novidades na Seleção Brasileira, e o jogador Carlos Augusto foi uma delas. O lateral-esquerdo foi escalado por Fernando Diniz para o clássico contra a Argentina, pelas Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo 2026.

Continua depois da publicidade

Leia mais notícias do Esporte no NSC Total

Na partida contra os argentinos, Carlos Augusto começou jogando. Ele foi escalado para o lugar de Renan Lodi. O jogador é um nome pouco conhecido pela torcida brasileira, mesmo tendo jogado um tempo pelo Corinthians. Conheça a seguir a trajetória do atual lateral-esquerdo da Inter de Milão.

Clique aqui para entrar na comunidade do NSC Total Esporte no WhatsApp

Apelido de ‘Lugano’ e começo no futsal

Carlos Augusto Zopolato Neves tem 24 anos e nasceu em Campinas (SP). Na infância, recebeu o apelido de ‘Lugano’ por causa de seus cabelos loiros que lembravam o zagueiro uruguaio. Dos nove aos treze anos, Carlos Augusto jogou futsal pelo Pulo, de Campinas.

Continua depois da publicidade

Além disso, o lateral-esquerdo foi um bom aluno. Carlos Augusto tirava boas notas, e mesmo quando jogava pelo Corinthians chegou a frequentar a faculdade no curso de Administração. O jogador fala inglês e italiano fluentemente.

Veja as 7 edições mais disputadas do Campeonato Brasileiro desde 2003

Carlos Augusto desacreditado

Na base do Corinthians, Carlos Augusto não chegou a ter grandes momentos. Quando começou a atuar pelo profissional, logo foi negociado com o Monza, da segunda divisão do futebol italiano, em 2020.

— Sempre fui o patinho feio na base. Até fiquei trocando de posições, atacante, meia, zagueiro, fiz tudo. Quando você vem ao lado desses jogadores, pensa que aquilo foi um aprendizado, foi bom para crescer como pessoa. Só tenho que agradecer por esses momentos — disse em entrevista ao ge.

Mudança de posição

Quando começou a jogar profissionalmente, Carlos Augusto atuava como atacante que joga aberto pelos lados. Aos poucos, os técnicos e ele mesmo foram notando que ele jogava melhor recuado. Foi durante uma Copa Votorantim, no sub-15 do Corinthians, que ele assumiu a posição de lateral-esquerdo, depois que um colega que jogava na posição se machucou.

Continua depois da publicidade

Trajetória na Europa

Durante sua temporada no Monza, Carlos Augusto evoluiu bastante em aspectos técnicos e táticos. O treinador do Monza, Raffaele Palladino, é apontado como um dos responsáveis pela evolução do atleta. Desde que chegou na Europa, Carlos Augusto também ganhou mais força física.

Atualmente, o lateral está na Inter de Milão. O jogador já teve oportunidades de entrar no decorrer de partidas, mas só foi titular uma vez no Campeonato Italiano.

Seleção Brasileira x Seleção Italiana

Como possui cidadania italiana, Carlos Augusto chegou a ser convidado para defender a Azzurra, mas recusou a proposta. O jogador disse que nem pensou na hipótese de aceitar o convite e que seu coração sempre foi brasileiro.

Ao ser convocado para a Seleção Brasileira, Carlos Augusto disse que gosta do estilo do técnico Fernando Diniz e que está habituado a ser mais ofensivo no futebol italiano.

Continua depois da publicidade

Galeria com momentos da carreira de Carlos Augusto

Carlos Augusto conta como virou lateral e diz: “Era o patinho feio na base”

*Pablo Brito é estagiário sob a supervisão de Diogo Maçaneiro

Catarinense Medalhista Olímpico vai ganhar homenagem no Carnaval 2024

Quem é o novo executivo do Figueirense, que vem do Cruzeiro

Avaí encaminha acerto para renovação com meio-campista

Publicidade

Além de muita informação relevante, o NSC Total e os outros veículos líderes de audiência da NSC são uma excelente ferramenta de comunicação para as marcas que querem crescer e conquistar mais clientes. Acompanhe as novidades e saiba como alavancar as suas vendas em Negócios SC.

Destaques do NSC Total