O período para declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) acontece no primeiro semestre de 2024. Todo ano, muitos contribuintes têm dúvidas sobre as alíquotas, faixas de isenção e outros temas. Ainda mais neste ano, que o governo promoveu algumas mudanças no IRPF. Continue a leitura para entender quem precisa ou não declarar o Imposto de Renda em 2024.

Continua depois da publicidade

Siga as notícias do Hora no Google Notícias

Quem precisa declarar Imposto de Renda em 2024?

Esse ano trouxe várias novidades para quem vai declarar o IR. Anteriormente, a faixa de isenção era de R$ 1.903,98 mensais, conforme a Lei 13.149/2015. Porém, em 2023 a tabela de alíquotas do Imposto de Renda foi atualizada com a entrada da Lei 14.663/2023. De forma geral, com a nova regra, o rendimento mensal máximo de isenção é de R$ 2.112,00.

Porém, vale ressaltar que essa regra começa a ser válida apenas a partir do que foi recebido de 1º de maio em diante. Logo, o que o contribuinte recebeu entre os meses de janeiro e abril deve obedecer a legislação passada.

Já para incidência anual, o novo valor da faixa de isenção é de R$ 24.511,92. Com isso, a faixa passa a abranger dois salários mínimos por mês, isentando cerca de 13 milhões de contribuintes a mais se comparado com a regra anterior, de acordo com a Receita Federal. 

Continua depois da publicidade

Quem está isento do IR 2024?

Justamente por essa mudança, o número de pessoas isentas aumentou para 2024. Quem recebe menos de dois salários mínimos por mês, ou um rendimento anual menor do que o citado acima está isento e não precisa declarar. Além disso, quem tiver participações em lucros ou resultados (PLR) anual de até R$ 7.403 a partir de maio de 2023 terá esse rendimento isento.

Por fim, a Lei 7.713/1988 isenta pessoas acometidas por diversas doenças. Mesmo assim, a declaração é necessária, pois irá para a dedução de quem essa pessoa é dependente.

Leia também

IRPF 2024: As datas para entrega da declaração

Confira a tabela do IRPF 2024

Destaques do NSC Total