nsc
dc

Ex-juiz

Sergio Moro vai trabalhar como consultor e advogado

O ex-ministro da Justiça do governo Jair Bolsonaro já teria inclusive informado a Comissão de Ética da Presidência da República

31/05/2020 - 09h48 - Atualizada em: 31/05/2020 - 09h55

Compartilhe

Redação
Por Redação DC
Sergio Moro
Sergio Moro
(Foto: )

O ex-juiz Sergio Moro vai trabalhar como consultor e advogado de um escritório. A informação foi divulgada neste domingo (31) pelo colunista do jornal O Globo, Lauro Jardim.

O ex-ministro da Justiça do governo Jair Bolsonaro já teria inclusive informado a Comissão de Ética da Presidência da República. A Comissão deve avaliar se Moro já pode iniciar os novos projetos ou se, em caso de conflito de interesses, aguardar seis meses.

Moro também pretende dar aulas e virar colunista de uma revista. Ainda segundo o colunista, o ex-juiz não precisou informar nada sobre futuros projetos políticos.

Há pouco mais de um mês, Moro deixou o governo e acusou Bolsonaro de interferir na Polícia Federal (PF). O presidente nega.

Um inquérito foi aberto pelo ministro Celso de Mello a pedido do procurador-geral da República, Augusto Aras, a quem caberá decidir sobre denúncia ou arquivamento. Na sexta-feira (29), a PF pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) mais 30 dias para concluir investigação.

Colunistas