nsc

publicidade

Ânderson

Expectativa

Água da Beira-Mar Norte: a importância do teste desta semana

Compartilhe

Por Ânderson Silva
09/09/2019 - 03h45
(Foto: Marco Favero / Diário Catarinense)

O teste de balneabilidade desta semana na Beira-Mar Norte, em Florianópolis, abre um cenário de expectativa. A avaliação do Instituto de Meio Ambiente (IMA) pode colocar a água da praia como própria para banho seis meses depois de inaugurado o sistema de despoluição. Para tanto, basta que o resultado da medição seja menor do que 800 no nível de coliformes fecais.

Caso isso ocorra, o ponto monitorado no bolsão da Casan ganhará a famosa placa que aponta aquele local como próprio para banho. Dos últimos cinco testes, quatro precisam ser positivos. Por enquanto, são três. Isso mudará conforme o teste que deve ocorrer entre terça (10) e quarta-feira (11).

Internamente, a Casan, responsável pelo sistema, ainda vê o cenário com cautela. Os técnicos entendem que o projeto de despoluição funcionou porque a água já apresenta sinal de melhora nas avaliações próprias e do IMA. Mesmo assim, as variações são consideradas normais dentro das previsões de operação do sistema.

Naturalmente, pela expectativa criada desde que a despoluição foi anunciada, a população espera ter a água em condições de banho, até mesmo como resposta para o investimento feito. Mesmo assim, neste momento, a prudência é valiosa para que se entenda a complexidade do cenário. Um ponto que por décadas está impróprio não fica limpo da noite para o dia.

Igualmente, mesmo que os testes apontem para a balneabilidade, a confiança dos moradores e turistas na qualidade da água só virá com o tempo.

Deixe seu comentário:

Ânderson Silva

Ânderson Silva

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

anderson.silva@somosnsc.com.br

publicidade

publicidade

Mais colunistas

publicidade

publicidade