nsc
    nsc

    Highline

    Catarinense fará travessia sobre fita nas alturas entre as torres da ponte Hercílio Luz

    Compartilhe

    Ânderson
    Por Ânderson Silva
    16/12/2019 - 13h55
    Ponte Hercílio Luz (Foto: Gabriel Lain / NSC Total)
    Ponte Hercílio Luz (Foto: Gabriel Lain / NSC Total)

    Dentro da programação de reabertura da ponte Hercílio Luz, em Florianópolis, está prevista uma travessia de highline inédita com quebra de recorde. A modalidade nada mais é do que a ida de um ponto a outra sobre uma fita. Ela é mais conhecida como slackline, mas quando é feita nas alturas chama-se highline. E é isto que o atleta catarinense Rafael Bridi pretende fazer nos 330 metros entre as duas torres da Velha Senhora. A conquista dará a ele o recorde latino-americano na categoria de ambiente urbano.

    A primeira travessia será no dia 30 de dezembro, data da reabertura. Mas estão previstas outras sessões até 5 de janeiro. Entre a ponta das torres e a água são 70 metros de altura, segundo Bridi. Ele é dono da Natural Extremo, empresa que vai oferecer atividades de slackline sobre a ponte, com linhas próximas ao piso.

    — Um dos primeiros lugares que sonhei em realizar um highline foi na Hercílio Luz. Chegou a hora de realizar esse sonho ao lado de amigos importantes nesta trajetória até aqui — comemora o manezinho Bridi.

    Outros profissionais de slackline vão participar, como Allan Pinheiro (RJ) e Ângelo Maragno (RS), também sócios de Bridi. Os interessados em conhecer a modalidade de slackline terão aulas para iniciantes. A estrutura será montada com equipamentos móveis. A oficina é gratuita. Outra atividade que será oferecida é a do tecido acrobático.

    Os horários previstos para as atividades são entre 11h30min e 14h30min e 17h e 19h30min no caso das apresentações de highline dos profissionais e oficinas de slackline. As apresentações de tecidos e clínicas para iniciantes vão ser das 17h às 19h. Neste último caso haverá um custo de R$ 20 para 10 minutos.

    Leia as últimas notícias de Ânderson Silva

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas