publicidade

Navegue por
Ânderson

Reação

Descontente com resposta do Estado, TCE abre processo para analisar auxílio-combustível

Compartilhe

Por Ânderson Silva
25/03/2019 - 20h19 - Atualizada em: 25/03/2019 - 20h19
Foto: Felipe Carneiro/Diário Catarinense
Foto: Felipe Carneiro/Diário Catarinense

O presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Adircélio de Moraes Ferreira Júnior, determinou a abertura de um processo específico de controle externo para apurar as irregularidades no pagamento do auxílio-combustível para servidores do Estado. Segundo levantamento do órgão, são 769 funcionários beneficiados, um gasto de R$ 38 milhões por ano para o governo catarinense.

O TCE fez uma recomendação ao governador Carlos Moisés da Silva, que decidiu manter os pagamentos e suspender apenas os casos onde havia irregularidade. Para a presidência do TCE, porém, o parecer interno da Procuradoria-Geral do Estado não abordou algumas questões suscitadas pelo órgão de controle. Por isso a determinação pela abertura do processo.

Deixe seu comentário:

Ânderson Silva

Ânderson Silva

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

anderson.silva@somosnsc.com.br

publicidade

publicidade

Mais colunistas

publicidade

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação