nsc
nsc

Quinto Constitucional

Desembargador Carioni se despede do TJ-SC e abre corrida por vaga na OAB-SC

Compartilhe

Ânderson
Por Ânderson Silva
03/08/2022 - 15h15
Desembargador Fernando Carioni (de frente, sendo cumprimentado) deixará o TJ-SC
Desembargador Fernando Carioni (de frente, sendo cumprimentado) deixará o TJ-SC (Foto: TJ-SC/Arquivo)

Em sessão do Órgão Especial do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJ-SC), nesta quarta-feira (3), o desembargador Fernando Carioni se despediu da Corte. Ele deixa o cargo ao completar 20 anos de carreira. Carioni entrou no TJ-SC em 2002 pelo Quinto Constitucional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-SC). Com a saída dele, abre-se uma nova corrida pela vaga que ficará aberta.

Nova vaga de desembargador do TJ para a OAB já movimenta os bastidores em SC; veja nomes

Durante a sessão do TJ-SC desta quarta, Carioni agradeceu o apoio que sempre recebeu dos colegas em sua carreira. Futuramente, o Judiciário fará uma sessão para homenageá-lo junto à desembargadora Sônia Maria Schmitz e à juíza Cláudia Meyer, que também anunciaram a aposentadoria.

No caso de Carioni, o movimento era mais aguardado justamente pela nova escolha que será feita pela OAB-SC. Nas próximas semanas, o TJ-SC vai comunicar oficialmente a advocacia sobre a abertura da vaga de desembargador. Com isto, a Ordem abrirá a disputa que começa com as inscrições dos interessados. Depois vêm a votação de 12 nomes no Conselho Estadual da OAB-SC. Posteriormente, todos os associados votam em seis advogados para compor a lista que vai ao TJ-SC.

Os desembargadores, então, definem a Lista Tríplice a ser encaminhada ao governador Carlos Moisés da Silva.

Quem vai disputar

Como a coluna já antecipou, alguns nomes despontam para a disputa da vaga que Carioni está deixando aberta. A tendência é que nomes considerados fortes dentro da advocacia entrem na briga. O advogado João de Nadal, que em 2021 chegou a se increver para o Quinto Constitucional em que posteriormente Diogo Pitsica foi o escolhido, deve se inscrever. Ele é filho do conselheiro do TCE-SC Herneus de Nadal. Outro nome que foi apontado como de peso é o do atual procurador-geral do Estado, Alisson de Bom de Souza. Ele, no entanto, nega a possibilidade neste momento.

Do Sul do Estado, entram forte na disputa Marivaldo Bittencourt e Fábio Jeremias. O advogado Juliano Keller do Valle é discutido como candidato para representar os advogados criminalistas. Da linha do direito eleitoral, Marcelo Peregrino pode aparecer entre os inscritos. 

Leia também:

Moisés escolhe segundo colocado de votação para cargo de defensor público-geral

Ânderson Silva

Colunista

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

siga Ânderson Silva

Ânderson Silva

Colunista

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

siga Ânderson Silva

Mais colunistas

    Mais colunistas