nsc
nsc

publicidade

Confirmado

Mais R$ 14 milhões: novo aditivo da obra da ponte Hercílio Luz

Compartilhe

Ânderson
Por Ânderson Silva
12/08/2019 - 05h45
(Foto: Gabriel Lain / Diário Catarinens

Está confirmado o novo aditivo financeiro da reforma da ponte Hercílio Luz. Como já adiantado pela coluna, era esperado outro acréscimo além dos R$ 8,3 milhões assinados no começo de julho. Agora, conforme documento de 25 de julho, vão ser mais R$ 14.075.884,38. O valor original da obra, conforme contrato assinado em abril de 2016 era de R$ 262.925.435,21. Com os aditivos, entretanto, o preço saltou mais R$ 71.297.029,37.

Além disso, no cálculo geral do custo, entram os reajustes. Eles somam mais R$ 14.510.233,50. Com isso, o valor total da obra até o momento é de R$ 348.732.698,08. Segundo a Secretaria de Infraestrutura, o aditivo de R$ 14 milhões é referente ao prolongamento do prazo da obra, que se estende em contrato até março de 2020. Apesar de o governo prever a liberação do tráfego em dezembro de 2019, serão necessários mais três meses para a retirada das estruturas temporárias.

A pasta diz que "trata-se do reequilíbrio econômico e financeiro referentes a custos indiretos para manter a obra por mais 12,1 meses, conforme já havia sido relatado em janeiro, e agora com valores acertados". Além disso, a secretaria afirma que haverá outros aditivos, "pois existem quantitativos e serviços que não estavam previstos".

Diretas

* Música - Domingo, 18 de agosto, será dia de Orquestra de Baterias na Passarela Nego Quirido, em Florianópolis. O evento terá uma estrutura maior do que nas últimas edições. A banda Dazaranha fechará a programação.

* Debate - Será nesta segunda-feira (12), às 14h, na CDL de Florianópolis, a segunda edição da oficina criativa Ponte Viva para discutir os projetos das cabeceiras da ponte Hercílio Luz. O encontro terá palestras e debates.

Reativado

Além da “Lei Rouanet catarinense”, como publicou a coluna no final de semana, o Estado terá o retorno do fundo da cultura. A confirmação é do secretário da Fazenda, Paulo Eli. Para isso o governo trabalha através da Fundação Catarinense de Cultura no projeto de lei que vai restabelecer o caixa. O novo fundo será usado, segundo Eli, para receber recursos federais e estaduais.

Leia também: Estado terá "lei rouanet catarinense" para incentivar projetos culturais

Deixe seu comentário:

Ânderson Silva

Colunista

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

siga Ânderson Silva

Últimas do colunista

Loading interface...
Ânderson Silva

Colunista

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

siga Ânderson Silva

publicidade

publicidade

Mais colunistas

    publicidade

    publicidade

    Mais colunistas