nsc
nsc

Mandado cumprido

Operação Alcatraz: ex-presidente da Casan, Valter Gallina é alvo de busca e apreensão

Compartilhe

Ânderson
Por Ânderson Silva
20/01/2021 - 05h29 - Atualizada em: 20/01/2021 - 10h25
Valter Gallina foi presidente da Casan
Valter Gallina foi presidente da Casan (Foto: Júlio Cavalheiro, Divulgação)

O ex-presidente da Casan e atual secretário de Infraestrutura de Florianópolis, Valter Gallina, é um dos alvos da segunda fase da operação Alcatraz deflagrada nesta terça-feira (19) em Santa Catarina. Os agentes cumpriram mandado de busca e apreensão contra ele durante a manhã. A investigação diz respeito ao período em que ele ocupava cargos no governo do Estado. A segunda fase da Alcatraz investiga contratos estaduais das secretarias de Administração e Saúde.

Operação Alcatraz: Pinho Moreira, ex-governador de SC, é alvo de busca e apreensão

O advogado de Gallina, Francisco Hayashi, se posicionou: "Em razão da relevância de cargo ocupado no passado, o Engenheiro Valter Gallina foi procurado pela investigação para auxiliá-la com informações. Atendeu às solicitações das autoridades e já retornou às suas atividades profissionais normalmente nesta tarde mesmo, tendo sido informado de que não há denúncia alguma contra ele".

Operação Alcatraz: deputado Julio Garcia, presidente da Alesc, tem prisão domiciliar decretada

Gallina foi até a sede da Polícia Federal (PF) para prestar depoimentos e depois foi liberado para retomar as atividades profissionais, segundo o advogado. A investigação contra ele diz respeito ao seu mandato como presidente da Casan, entre 2015 e 2016. Ele é alvo de apuração dentro do mesmo contexto do ex-governador Eduardo Pinho Moreira, que também teve mandado de busca e apreensão contra ele nesta terça-feira.

Dentro da investigação da Alcatraz, Gallina é colocado no núcleo de uma empresa de tecnologia que teve o proprietário como um dos alvos. O ex-presidente da Casan foi o responsável por assinar dois processos de licitação que envolveram a empresa na companhia, segundo os documentos.

Casan se manifesta

Em nota, a Casan se manifestou sobre a investigação: "As ações objeto da operação nada têm a ver com a atual gestão, que a partir de fevereiro de 2019 revisou todos os processos licitatórios e contratos em andamento. A Companhia permanece à disposição para colaborar com as autoridades".

Leia mais:

Governo de SC vai relicitar contrato do SC Saúde alvo da operação Alcatraz

Ânderson Silva

Colunista

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

siga Ânderson Silva

Ânderson Silva

Colunista

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

siga Ânderson Silva

Mais colunistas

    Mais colunistas