nsc
nsc

Fragilidades

Relatório preliminar da CPI da ponte Hercílio Luz aponta falta de aplicação de estudos contratados

Compartilhe

Ânderson
Por Ânderson Silva
09/10/2019 - 04h45 - Atualizada em: 09/10/2019 - 08h38
(Foto: Leo Munhoz / Diário Catarinense)

O relator da CPI da Ponte Hercílio Luz, deputado Bruno Souza (sem partido), entregou relatório de evolução dos trabalhos aos membros da Comissão nesta terça-feira (8). Segundo ele, já há “fragilidades e indícios de irregularidades que serão analisados com muita profundidade nessa reta final dos trabalhos da Comissão”.

O parlamentar cita pelo menos três contratos feitos nos anos de 1980 e 1990, sendo que as soluções técnicas contratadas apontadas por tais estudos não foram desenvolvidas posteriormente e tampouco aplicadas na prática. Isso resultou na conclusão de que houvera gasto de recursos públicos sem o retorno esperado em benefício do cidadão.

Leia também: Relator pedirá prorrogação da CPI da ponte Hercílio Luz

Deixe seu comentário:

Ânderson Silva

Colunista

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

siga Ânderson Silva

Últimas do colunista

Loading interface...
Ânderson Silva

Colunista

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

siga Ânderson Silva

Mais colunistas

    Mais colunistas