nsc
nsc

De olho nas eleições

Sob a batuta de Moisés, PSL vai filiar prefeitos e vices

Compartilhe

Ânderson
Por Ânderson Silva
10/02/2020 - 10h05 - Atualizada em: 10/02/2020 - 10h18
Luciano Buligon sairá do DEM para integrar o PSL (Foto: Cristiano Estrela/Secom)
Luciano Buligon sairá do DEM para integrar o PSL (Foto: Cristiano Estrela/Secom)

Um evento no próximo sábado, 15 de fevereiro, vai marcar a entrada de prefeitos e vice-prefeitos catarinenses no PSL, que agora está sob a batuta do governador Carlos Moisés da Silva. Ele é o principal articulador das filiações, incluindo a do prefeito de Chapecó, Luciano Buligon, que deixará o DEM com menos de um ano de entrada na sigla. O evento vai ocorrer no hotel Golden, em São José, na Grande Florianópolis. São esperados pelo menos 15 novos membros para o partido.

A grande maioria dos novos filiados vai tentar a reeleição em outubro deste ano. Por isso é que o encontro tem um grande peso eleitoral. O PSL de Moisés entra na disputa com nomes consolidados em suas cidades em busca de aumento da força do partido no Estado.

Em Florianópolis, o partido mantém a intenção de lançar o comandante-geral da PM-SC, coronel Araújo Gomes, para a disputa da prefeitura. Ele é o único nome que o PSL trabalha no momento.

Deixe seu comentário:

Ânderson Silva

Colunista

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

siga Ânderson Silva

Últimas do colunista

Loading interface...
Ânderson Silva

Colunista

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

siga Ânderson Silva

Mais colunistas

    Mais colunistas