Com o aeroporto internacional Salgado Filho em Porto Alegre tomado pela água (veja fotos abaixo), o governo federal traçou uma malha aérea emergencial para atender os gaúchos. O remanejamento envolve aeroportos gaúchos de outras cidades e também terminais de Santa Catarina. Já nesta segunda-feira, começaram a chegar ao interior do RS os primeiros voos extras.

Continua depois da publicidade

Entre na comunidade exclusiva de colunistas do NSC Total

Nesta segunda-feira (13), os voos foram para Passo Fundo, Santa Maria, Uruguaiana e Caxias. A malha aérea emergencial prevê 116 voos semanais nesta primeira fase, sendo 88 no Rio Grande do Sul e 28 em Santa Catarina.

Confira a malha emergencial:

  • Aeroporto de Caxias do Sul (RS) | 25 voos semanais
  • Aeroporto de Santo Ângelo (RS) | 2 voos semanais
  • Aeroporto de Passo Fundo (RS) | 16 voos semanais
  • Aeroporto de Pelotas (RS) | 5 voos semanais
  • Aeroporto de Santa Maria (RS) | 2 voos semanais
  • Aeroporto de Uruguaiana (RS) | 3 voos semanais
  • Base aérea de Canoas (RS) | 35 voos semanais
  • Aeroporto de Florianópolis (SC) | 21 voos semanais
  • Aeroporto de Jaguaruna (SC) | 7 voos semanais
  • Aeroporto de Chapecó (SC) | aumento de capacidade da aeronave

Veja como está a situação do aeroporto de Porto Alegre:

Continua depois da publicidade

Destaques do NSC Total