nsc
nsc

publicidade

Decisão

TRF4 concede liberdade a cinco presos da operação Alcatraz, mas sob altas fianças

Compartilhe

Ânderson
Por Ânderson Silva
10/09/2019 - 16h22 - Atualizada em: 10/09/2019 - 18h22
(Foto: Tiago Ghizoni / Diário Catarinense)

A 7° Turma do Tribunal Regional Federal da 4° Região (TRF4) decidiu nesta terça-feira (10) conceder a liberdade provisória para cinco das sete pessoas que continuam presas na operação Alcatraz. Nenhum deles, porém, vai ser solto antes de pagar fiança. Os valores estabelecidos variam de R$ 200 mil a R$ 296 mil.

Conseguiram a liberdade provisória nesta terça o ex-presidente da Epagri, Luiz Ademir Hessmann, a empresária Flávia Werlich, os servidores do Estado, Luiz Carlos Maroso e Danilo Pereira, e o empresário Fabrício Margarido.

Os desembargadores negaram o benefício para Nelson Castello Branco Nappi Junior, apontado como epicentro da operação pela PF, e Maurício Barbosa, empresário. A advogada Michelle Guerra já havia conseguido a liberdade há 15 dias, também no TRF4. Ela pagou a fiança imposta.

Os advogados envolvidos no processo questionaram os altos valores de fiança, mas a resposta do relator a um dos defensores é que o questionamento deve ser feito através do recurso de embargos de declaração.

Ainda não é assinante? Assine e tenha acesso ilimitado ao NSC Total, leia as edições digitais dos jornais e aproveite os descontos do Clube NSC.

Deixe seu comentário:

Ânderson Silva

Colunista

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

siga Ânderson Silva

Últimas do colunista

Loading interface...
Ânderson Silva

Colunista

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

siga Ânderson Silva

publicidade

publicidade

Mais colunistas

    publicidade

    publicidade

    Mais colunistas