nsc
nsc

ARENA NA ITOUPAVA CENTRAL

PSL de SC terá força na articulação para a construção de estádio em Blumenau

Compartilhe

Augusto
Por Augusto Ittner
02/11/2018 - 09h56 - Atualizada em: 02/11/2018 - 10h01
Projeto prevê que arena seja construída na Rua Guilherme Scharf. (Volkmann Arquitetura, Divulgação)

Recapitular todo o trâmite pela construção do estádio municipal em Blumenau demandaria mais do que uma página na coluna. Mas resumindo: troca de ministro, queda da presidente Dilma Rousseff (PT), ascensão de Michel Temer (MDB) ao poder, troca de ministro novamente, votações importantes no Congresso e até mesmo o processo eleitoral.

Todos esses foram alguns dos fatores que culminaram em uma nova hibernação do processo que prevê a construção de uma arena nas proximidades da Rua Doutor Pedro Zimmermann, na Itoupava Central.

Com todo o procedimento sendo liderado, basicamente, pelo também emedebista Ericsson Luef, empresário ligado à Hemmer, o projeto ficou nas costas de lideranças ligadas ao partido – caso, por exemplo, de Mauro Mariani, candidato derrotado ao governo do Estado e que chegou a se reunir com o então ministro do Esporte, Leonardo Picciani.

Pressão tem de vir do PSL-SC

Agora, o projeto do estádio municipal que estava à espera de um canetaço para a liberação dos recursos – de R$ 2 milhões a R$ 10 milhões, não se sabe o valor exato –, voltará à estaca zero no que diz respeito à articulação política. Embora todo o trâmite técnico já tenha sido feito envolvendo os governos federal e municipal, o que falta é alguém que empenhe o montante e permita à prefeitura de Blumenau lançar o processo licitatório para construção da arena – lembrando que todo o valor viria de Brasília, sem contrapartida do município.

Quem fará essa função? Por enquanto ninguém. Mas os torcedores do futebol de Blumenau têm um nome para cobrar: Ricardo Alba (PSL). Correligionário do governador Carlos Moisés e do presidente Jair Bolsonaro, o deputado estadual mais votado pode ser o principal nome para colocar o assunto à tona novamente. À coluna, Alba disse que é favorável à construção do estádio municipal em Blumenau e que vai se inteirar a respeito do projeto.

– Se for verba do esporte, destinada especificamente para isso, com certeza a gente vai buscar e utilizar essa verba. Se tiver, pode mandar o dinheiro, já que é um valor que não pode ser alocado em outras áreas – defende o deputado estadual eleito pelo PSL.

Já do lado emedebista da história, Ericsson Luef garante que vai continuar a pressão. Com 43.357 votos para deputado federal, o empresário mostrou força política e pode se aproveitar disso.

– Vou tentar construir tudo novamente – disse.

O projeto

A proposta do estádio municipal em Blumenau prevê a construção de uma arena anexa ao Centro de Treinamentos Romeu Georg, do Metropolitano, na Rua Guilherme Scharf. Um total de R$ 20 milhões já foi autorizado para a obra e todo o toma lá, dá cá de documentos já foi feito. A estrutura deve ter capacidade para 10 mil torcedores, mas será construída em módulos. O primeiro é de aproximadamente 2 mil pessoas, com recurso necessário em torno de R$ 5 milhões.

Augusto Ittner

Colunista

Augusto Ittner

Opinião, análise e memória. Direto ao ponto, aborda o cenário esportivo do Vale do Itajaí. Com destaque para Metropolitano e BEC, traz de maneira exclusiva os bastidores do futebol em Blumenau e região.

siga Augusto Ittner

Augusto Ittner

Colunista

Augusto Ittner

Opinião, análise e memória. Direto ao ponto, aborda o cenário esportivo do Vale do Itajaí. Com destaque para Metropolitano e BEC, traz de maneira exclusiva os bastidores do futebol em Blumenau e região.

siga Augusto Ittner

Mais colunistas

    Mais colunistas