nsc
    nsc

    O luxo aposentou-se no século 20

    Está na hora de o Legislativo e o Judiciário mergulharem em reformas urgentes

    Compartilhe

    Por Cacau Menezes
    04/05/2019 - 03h30

    Se o desafio é tornar o governo mais eficiente para a sociedade, então está na hora de o Legislativo e o Judiciário mergulharem em reformas urgentes. Com essa tecnologia a serviço do serviço público, é possível, sim, reduzir os quadros pessoais e demais despesas. Por exemplo, em pleno século 21, é necessário que parlamentares e desembargadores ainda tenham carros com motoristas? O luxo aposentou-se no século 20. 

    A reforma do Legislativo precisa, com a mesma urgência, atacar as câmaras municipais. Um vereador de Floripa, por exemplo, pode ter 11 assessores, dentro de um limite de despesas com pessoas. Isso está mais para um cabide de cabos eleitorais. O Legislativo é para legislar, e todos sabem que não é necessário haver sessões diárias para parlamentares discursarem abobrinhas.

    Na Dinamarca ou Finlândia, por exemplo, o parlamentar federal tem apenas um assessor e, mesmo assim, custeado por seu partido.

    Pauta furada

    Na falta de pautas mais importantes, como cobrar a conclusão do Contorno Viário da Grande Florianópolis ou mesmo a duplicação das rodovias federais BR-282 e BR-470 catarinenses, a discussão da semana em Brasília foi o projeto de lei da deputada federal Caroline De Toni (PSL).

    Ela deseja retirar o título de patrono da educação brasileira do educador Paulo Freire, posando ao lado do presidente Jair Bolsonaro (PSL) e que tem tantas coisas mais urgentes para se ocupar. Em Floripa, o vereador Luciano Formighieri (PSDB) propôs moção de repúdio à deputada Caroline. 

    Boto fé

    Fernando Comin e Adircélio de Moraes são duas promessas da vida pública catarinense. Ambos empossados neste ano, respectivamente procurador-geral de Justiça e presidente do TCE, são jovens, concursados, descolados e brilhantes. Chegam à chefia dos órgãos aos quais pertencem aos quarenta e poucos anos. Têm tudo para alavancar suas instituições a um patamar mais elevado.

    Coloridos

    O manezinho deputado estadual Marcos Vieira, presidente do PSDB, encerra seu mandato frente ao seu partido após quatro anos de muito trabalho, deixando diretórios instalados em todos os 295 municípios catarinenses e agora instala a Diversidade Tucana, Secretariado LGBT do partido, tendo sido elevado presidente estadual o irriquieto Ricardo Medeiros, que já foi convidado a concorrer à vereança em Floripa, em 2020, pela sigla, e aceitou!

    Dois modos

    As vacinas que o deputado Julio Garcia (PSD) mandou comprar na Alesc, via licitação, estão sendo denominadas de dois modos lá em Paulo Lopes: as que serão aplicadas nos 40 deputados, de anticassação; as que serão aplicadas nos funcionários, de antidemissão.

    Ele

    Não há dúvida de que o homem forte do presidente Jair Bolsonaro em Santa Catarina é o empresário Luciano Hang, da Havan, de Brusque. Certamente o mais apaixonado defensor da candidatura do presidente eleito.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas