nsc
    nsc

    Em caso de repetição

    Projeto de lei prevê multa para quem passar trote ao Samu

    Compartilhe

    Por Cacau Menezes
    07/08/2019 - 03h00

    Projeto de lei proposto pelo deputado Sérgio Motta (PRB) institui a aplicação de advertência na primeira ocorrência, seguida de multa de R$ 500, caso se repita, para os responsáveis por linhas telefônicas que passarem trotes ao Samu. De acordo com a coordenação de planejamento do Samu catarinense, foram registradas em 2018 cerca de 55 mil ligações com brincadeiras de mau gosto. Neste ano, de janeiro a junho, já foram contabilizados 17 mil trotes.

    Nossa homenagem

    Este 7 de agosto é um dia de celebração em Floripa, uma vez que comemora-se os 95 anos do Dr. Isaac Lobato, pai dos meus amigos Rico, Sergio, Ró e Sandra, personalidade que deixou o Maranhão com 16 anos para estudar no Rio de Janeiro, onde se formou em Medicina com grande destaque. Na década de 50 do século passado, a convite do Dr. Aderbal Ramos da Silva, mudou-se para Floripa e aqui na Ilha constituiu uma bela família e uma inspiradora história de vida como cidadão e como médico. Dr. Lobato merece todas as nossas homenagens.

    Violência localizada

    O resultado da pesquisa do Atlas da Violência no Brasil traz dados eloquentes, pesquisando 310 cidades acima de 100 mil habitantes. Entre as 20 mais violentas, 18 estão no Norte/Nordeste, são cinco da Bahia. Já as 20 menos violentas estão todas nas regiões Sul e Sudeste, a maioria de São Paulo, 14, que deve ter tido o maior número de cidades pesquisadas e três de Santa Catarina: Tubarão, Brusque e Jaraguá do Sul, esta, a melhor colocada.

    Compartilhamento 

    Você já imaginou compartilhar a propriedade de um imóvel com outras pessoas? Já consolidada nos Estados Unidos e Europa, a multipropriedade agora ganha espaço por aqui. E como é uma boa alternativa para imóveis de veraneio, os cartórios catarinenses foram capacitados no último mês para esse tipo de registro imobiliário, regulamentado apenas no fim de 2018 pela Lei nº 13.777, e que envolve um grande número de atos. No novo sistema de moradia, a compra de um apartamento, por exemplo, não é mais realizada em sua totalidade, mas sim em frações de tempo que serão utilizadas por cada dono em um determinado período do ano.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas