nsc
    nsc

    NOVO HERDEIRO 

    Se deu bem

    Compartilhe

    Por Cacau Menezes
    22/02/2020 - 06h00

    Mora em Jurerê Internacional o novo bilionário brasileiro, jovem humilde que acaba de ganhar na Justiça uma das maiores ações de paternidade do país, exatamente R$ 1 bilhão, a parte dele na divisão da herança por ser filho – que nunca pode ser assumido pelo pai –,  um mega-empresário de Jaraguá do Sul, já falecido.

    O que os mais próximos do rapaz, que nunca teve contato com o pai, dizem é que já estão na conta dele R$ 600 milhões. O novo herdeiro, jovem ainda, é bastante conhecido das baladas de Jurerê e até agora trocou apenas de carro e de casa e  adotou para estar ao lado, morando com ele, apenas um “parça”,  aqui mesmo de Floripa.

    Espelho

    Do ex-governador  Raimundo Colombo, na visita que fez a Curitibanos no último fim de semana:

    “Não adianta você bajular quem já tem tudo, quem é poderoso. O verdadeiro político ouve quem não tem voz, procura quem não tem vez e fica do lado de quem não tem oportunidade, ou então é melhor ir para casa porque não tem responsabilidade e não vai ajudar em nada”.

    Tem gente que acha que foi  exatamente o que aconteceu com ele, Raimundo.

    A (nova) vez do imóveis

    O investimento em imóveis parece voltar com tudo ao radar de quem tem grana para aplicar em 2020, já que a tradicional renda fixa perdeu encanto com as seguidas quedas de juros feita pelo Banco Central. E isso já se percebe na Ilha, impulsionada pelo crescimento das empresas de tecnologia e de serviços, daqui e também de fora.

    Em poucos meses desde a inauguração, metade das salas comerciais do segundo prédio do Techno Towers, na SC-401, já foi vendida, por exemplo. É que não falta gente interessada em vir para Floripa, especialmente agora com o aeroporto e a ponte renovada.

    Tarrafada

    Ninguém resiste. Nem  mesmo a criminalidade. Época de Carnaval com blocos , bandas e diversão em vias públicas é propício para a “tarrafada” da polícia. Em todo o país, nunca se prendeu ou recapturou tanta gente procurada pelos homens como nos últimos dias com os esquentas de Carnaval.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas