nsc

publicidade

Finalmente

Secretaria de Segurança de Balneário Camboriú aprova realização da Parada da Diversidade

Compartilhe

Cacau
Por Cacau Menezes
18/10/2019 - 05h20 - Atualizada em: 18/10/2019 - 10h38
Parada da Diversidade ocorrerá no próximo dia 17 de novembro (Foto: Ariel Silva / Arquivo Pessoal)
Parada da Diversidade ocorrerá no próximo dia 17 de novembro (Foto: Ariel Silva / Arquivo Pessoal)

Finalmente prevaleceu o bom senso. A Secretaria de Segurança de Balneário Camboriú aprovou a realização da Parada da Diversidade no próximo dia 17 de novembro, justamente no local onde os "diversos" queriam: a Avenida Atlântica.  

Na verdade, na verdade, na verdade, a autorização, que partiu do prefeito Fabrício Oliveira, foi meio que obrigada. É que o alcaide já havia proibido a parada no ano passado, o que está lhe rendendo problemas na Justiça. Ou aprovava agora, ou teria mais dor de cabeça. 

Viagem proibida

Os vereadores Marcelo Achutti e Juliethe Nitz, de Balneário Camboriú, entraram em rota de colisão. Ele não quer que ela viaje para a África do Sul de jeito nenhum. Pelo menos não com recursos da Câmara de Vereadores.

Juliethe alega que irá em busca de informações para a procuradoria da mulher, criada recentemente pelo Legislativo municipal. Marcelo está entrando com ação popular na Justiça para tentar evitar o deslocamento.

O edil alega que ela gastará aproximadamente R$ 15 mil no passeio, desculpem, na missão para a África, quando, no mesmo período, o Tribunal de Justiça de Santa Catarina promoverá seminário de combate à violência contra a mulher sem cobrar um centavo.

VAR mal

A introdução do VAR nos jogos da Série A, ao invés de contribuir para diminuir situações de possíveis erros de arbitragem, está aumentando a desconfiança em torno da efetividade deste mecanismo.

Os teóricos de conspirações acham que o VAR acaba sendo mais um instrumento passível para a construção de polêmicas de resultados. E como a estatística de favorecimentos está sempre contra os chamados “não grandes”, a teoria ganha cada vez mais força.

Estão aí os erros contra o Avaí, que não deixam ninguém mentir. E na rodada de quarta o VAR mais uma vez decidiu um empate num lance de pênalti pra lá de duvidoso a favor do Corinthians contra o Goiás.

Nova chance

Após alguns momentos de sobressaltos e emoções fortes na área da comunicação, é natural que uma menor dosagem de adrenalina no sangue traga uma sensação diferente ao jornalista que sabe levar a notícia todo dia aos seus leitores. O desafio de comunicar a boa informação, seja qual for o canal, como já ocorreu no passado, será vencido mais uma vez pela competência. Quem viver, verá.

Ainda não é assinante? Assine e tenha acesso ilimitado ao NSC Total, leia as edições digitais dos jornais e aproveite os descontos do Clube NSC.

Deixe seu comentário:

Cacau Menezes

Colunista

Cacau Menezes

A cara, o jeito e o sotaque de Floripa. O colunista da cidade, das pessoas que são destaque, dos bastidores decisivos e dos acontecimentos mais importantes.

siga Cacau Menezes

publicidade