nsc
    nsc

    Análise política

    Os desafios de Mário Hildebrandt na caminhada para as eleições de 2020

    Compartilhe

    Clóvis
    Por Clóvis Reis
    13/07/2019 - 07h00 - Atualizada em: 13/07/2019 - 07h45

    Com um portfólio de obras expressivas no currículo, o principal obstáculo ao projeto de reeleição do prefeito Mário Hildebrandt (sem partido) é a crise de popularidade que atinge os políticos de modo geral. A onda que varreu a última eleição ainda ecoa nas redes sociais, atingindo indistintamente representantes da velha guarda. Atento à ameaça, Hildebrandt tentou colar-se à corrente política hoje hegemônica, mas a iniciativa não vingou.

    O campo do bolsonarismo já está congestionado e não reage bem a novas adesões. A situação deixa o prefeito em um impasse: ele tem o perfil de candidato daquele eleitor, mas esbarra em graves desafios para a conquista do apoio. Diante dessa barreira, Hildebrandt precisaria se reinventar e ocupar um espaço distinto no imaginário do eleitor, apresentando-se como um gestor capaz de capitanear grandes projetos estruturais e de oferecer outro horizonte de futuro para o município.

    Não é uma tarefa fácil, mas não é impossível. Um reposicionamento da comunicação ajudaria bastante. Porém, aferrado às próprias convicções, Hildebrandt não parece disposto a uma mudança de postura.

    Projeção

    Presidente do DEM em Santa Catarina, João Paulo Kleinübing esteve sexta-feira no escritório regional do deputado Ismael dos Santos (PSD). Ainda não estão claros os planos de ambos para a disputa da prefeitura no ano que vem.

    Interino

    O jornalista Paulo Costa, secretário de Gestão Governamental, assumiu a Secretaria de Comunicação da prefeitura. Ele acumulará os dois cargos. A Secretaria de Comunicação está sem titular desde fevereiro, quando o ex-secretário André Espezim assumiu a presidência do Samae. A condição explica algumas dificuldades enfrentadas pelo atual governo.

    Indicação

    Dos 74 ônibus escolares que o governo federal entregará em SC, quatro deles vêm para a região por indicação do ex-senador Dalírio Beber (PSDB). As emendas dele ao orçamento federal beneficiaram os municípios de Luís Alves (dois veículos), Gaspar e Massaranduba. A secretária de Educação de Blumenau, Patrícia Lueders, presidente da Undime/SC, participará da solenidade em Florianópolis.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas