nsc

publicidade

Crueldade

Cachorro é socorrido após ter sido esfaqueado em Balneário Camboriú

Compartilhe

Dagmara
Por Dagmara Spautz
17/05/2019 - 08h56 - Atualizada em: 17/05/2019 - 09h14
Cão esfaqueado (Foto: Guarda Municipal, Divulgação)
Cão esfaqueado (Foto: Guarda Municipal, Divulgação)

A Guarda Municipal de Balneário Camboriú socorreu, nesta quinta-feira à noite, um cachorro que foi esfaqueado no pescoço na Praia de Laranjeiras. O animal vive na rua, e foi encontrado debilitado e em estado grave.

Moradores estavam revoltados e disseram que o ferimento foi causado por um homem desconhecido, que fugiu do local. O animal foi levado a uma clínica veterinária, que tem convênio com a prefeitura.

Na manhã desta sexta-feira, a clínica informou que o cão tem várias facadas pelo corpo e hematomas no abdômen, o que levou a suspeitas de que também tenha sido agredido com chutes. Ele vai passar por exames, para indicar a extensão dos ferimentos. O estado do animal é grave.

Maus-tratos a animais é crime federal, e a legislação catarinense reconhece cães, gatos e cavalos como seres sencientes, sujeitos a sentimentos como dor e angústia, o que agrava qualquer situação de crueldade. As denúncias podem ser feitas à Polícia Militar, no telefone de emergência 190, ou à Guarda Municipal, pelo 153.

Deixe seu comentário:

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

publicidade

publicidade

Mais colunistas

publicidade

publicidade