nsc
    nsc

    Terminal de passageiros

    Infraero aceita proposta de R$ 47 milhões para reforma do aeroporto de Navegantes

    Compartilhe

    Dagmara
    Por Dagmara Spautz
    16/04/2019 - 08h19 - Atualizada em: 16/04/2019 - 08h20
    Aeroporto de Navegantes
    Aeroporto de Navegantes (Foto: Marcos Favero, Arquivo NSC)

    A Infraero aceitou a oferta da construtora Porto Breton, que propõe executar as obras de reforma e ampliação do terminal de passageiros do Aeroporto de Navegantes por R$ 47,4 milhões. O valor de referência da licitação era quase o dobro – R$ 80 milhões.

    A proposta estava em análise desde o final de fevereiro. Outras seis ofertas, que partiam de R$ 29 milhões, foram desclassificadas.

    A análise foi feita pela área de orçamentos da Infraero, sob a metodologia de construção proposta pela empresa. A construtora já entregou à empresa pública a documentação que formaliza a proposta.

    A aceitação do preço é o primeiro passo para concluir a licitação – mas não significa que o início das obras esteja próximo. A Infraero informou, por e-mail, que a proposta segue em análise. A próxima fase será a análise de habilitação da empresa.

    Depois de assinado, o contrato prevê 18 meses para conclusão da obra, que vai aumentar a área construída do terminal de passageiros em 160%. Estão previstas a ampliação e reforma das áreas de check-in, embarque e desembarque, com climatização total, e a instalação de novas esteiras, elevadores e escadas rolantes. Sanitários serão ampliados, bem como as áreas comerciais.

    Se as previsões do governo federal se confirmarem, a reforma deve ser tocada enquanto segue o processo de privatização do aeroporto – Navegantes está no Bloco Sul, cujos estudos de viabilidade começaram em março. A intenção da presidência é que seja concedido à iniciativa privada no ano que vem.

    Imediata

    As discussões sobre uma eventual paralisação do processo licitatório das obras de reforma e ampliação do terminal de passageiros, que mobilizaram lideranças no início do ano, esfriaram nos últimos meses. Associações empresariais da região e parte do trade turístico abraçaram a causa da reforma imediata do terminal atual, para garantir conforto aos usuários. Nesse caso, a ampliação do aeroporto como um todo fica para o próximo capítulo.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas