nsc
    nsc

    Atacado 

    Médico faz cirurgia para reconstruir o rosto em Itajaí após ser agredido durante parto

    Compartilhe

    Dagmara
    Por Dagmara Spautz
    13/11/2019 - 15h39 - Atualizada em: 14/11/2019 - 09h59
    Hospital Marieta (foto: Lucas Correia, Arquivo NSC)
    Hospital Marieta (foto: Lucas Correia, Arquivo NSC)

    Um médico do Hospital Marieta Konder Bornhausen, em Itajaí, teve graves ferimentos no rosto ao ser agredido pelo companheiro de uma mulher em trabalho de parto, na manhã desta quarta-feira (13). Ele teria se irritado com a recomendação do obstetra para que a mulher caminhasse pelo corredor do hospital, para aumentar a dilatação.

    O hospital informou que o médico passará por cirurgia de reconstrução no rosto durante a tarde. O agressor fugiu e seguiu com a mulher para o Hospital Ruth Cardoso, em Balneário Camboriú, onde foi preso pela Polícia Militar.

    Em nota, o Hospital Marieta afirma que "repudia veementemente a agressão". A unidade de saúde afirma que a paciente "estava sendo atendida em trabalho de parto dentro dos protocolos do Ministério da Saúde, quando o seu marido – agressor – inesperadamente deferiu socos no médico assistente".

    O hospital termina o comunicado informando que tomará todas as medidas para dar suporte assistencial ao médico, e para que o agressor "suporte as consequências legais dessa condenável atitude".

    Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz - NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz​​

    Ainda não é assinante? Assine e tenha acesso ilimitado ao NSC Total, leia as edições digitais dos jornais e aproveite os descontos do Clube NSC.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas