nsc
    nsc

    Suspeita de tráfico internacional

    Morador de Itajaí chama polícia após encontrar R$ 75 mil e arma em terreno baldio

    Compartilhe

    Dagmara
    Por Dagmara Spautz
    28/08/2019 - 19h14 - Atualizada em: 28/08/2019 - 19h16
    Foto: Divulgação 1BPM Itajaí
    Foto: Divulgação 1BPM Itajaí

    Um morador de Itajaí chamou a Polícia Militar, nesta quarta-feira (28), após ter feito uma descoberta inusitada em um terreno baldio do Bairro Cordeiros: dois sacos de lixo repletos de dinheiro. Eram R$ 75 mil em notas de 50 reais. Além do montante, também foi encontrada uma pistola com 15 munições e três aparelhos celulares, com número ativo.

    De acordo com a Polícia Militar, o homem estava limpando o terreno quando localizou o descarte. Os sacos de lixo estavam na Rua José Rosa, próximo a uma casa que foi alvo de um mandado de busca e apreensão da Operação Alba Vírus, deflagrada pela Polícia Federal na terça-feira (27).

    A ação, que foi coordenada pela Delegacia da PF em Santos (SP), investiga uma organização criminosa suspeita de tráfico internacional de drogas por meio dos portos brasileiros.

    Um homem teria sido preso na casa próxima ao terreno baldio, onde foi cumprido o mandado de busca. Todo o material recolhido foi encaminhado pela PM à Polícia Federal, que dará sequência às investigações.

    Operações integradas

    A Operação Alba Vírus foi deflagrada em conjunto com a Operação The Wall, coordenada pela Polícia Federal em Itajaí. A decisão de acioná-las simultaneamente foi estratégica: um dos alvos, em Itajaí, participava ativamente dos dois grupos criminosos, o de São Paulo e o de Santa Catarina.

    Segundo a PF, o papel dele era negociar a cocaína que seria embarcada para o exterior. O principal destino era a Europa.

    Os grupos criminosos usavam os serviços de duas empresas de logística portuária, que atuava no transporte terrestre de contêineres e desviava as cargas no caminho até o porto - os contêineres escolhidos recebiam a carga extra de drogas, escondida, e tinham o lacre adulterado antes de serem entregues, oficialmente, para o embarque.

    Foram cumpridos 17 mandados de prisão temporária em Itajaí e Balneário Camboriú - 11 ligados à Operação The Wall, e outros seis ligados à Operação Alba Vírus.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas