nsc
    nsc

    Polícia

    Operação contra pornografia infantil prende homem em flagrante em Balneário Camboriú

    Compartilhe

    Dagmara
    Por Dagmara Spautz
    18/02/2020 - 07h07 - Atualizada em: 18/02/2020 - 07h29
    foto: Thiago Ghizoni
    foto: Thiago Ghizoni

    Um homem foi preso em flagrante pela Polícia Civil em Balneário Camboriú, nesta terça-feira (18), por armazenar arquivos de pornografia infantil. A prisão faz parte da Operação Luz na Infância 6, que cumpre 16 mandados de busca e apreensão no Estado.

    Em Balneário Camboriú foram cumpridos dois mandados de busca. De acordo com a delegada Inara Drapalski, que conduz a operação na região, um deles não resultou em detenção.

    A força-tarefa envolve polícias civis de 12 estados, e tem ramificações na Colômbia, Estados Unidos, Paraguai e Panamá, onde também são cumpridos mandados de busca e apreensão. São 112, ao todo. O alvo são arquivos com conteúdo relacionado aos crimes de exploração sexual praticados contra crianças e adolescentes.

    Em Santa Catarina, os alvos dos mandados foram identificados pela polícia com base em informações coletadas na internet, que identificaram comportamento suspeito. A Operação Luz na Infância 6 conta com a colaboração da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil, por meio da Adidância da Polícia de Imigração e Alfândega em Brasília (US Immigration and Customs Enforcement-ICE).

    A pena para quem armazena esse tipo de conteúdo varia de 1 a 4 anos de prisão, de 3 a 6 anos pelo compartilhamento e de 4 a 8 anos de prisão pela produção de conteúdo relacionado aos crimes de exploração sexual.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas